REGIÃO DO MÉDIO MEARIM APRESENTA PRIORIDADES E REIVINDICAÇÕES EM EVENTO DO DIÁLOGOS PELO MARANHÃO

flavidino2

Flávio Dino

As necessidades e reivindicações do Médio Mearim foram apresentadas à comitiva do Diálogos pelo Maranhão nesta sexta-feira (31). A população relatou aos coordenadores do movimento, Flávio Dino (PCdoB) e Roberto Rocha (PSB), as prioridades de investimento para a região. Apoio à agricultura familiar, investimentos em saúde pública e infraestrutura foram os temas mais recorrentes nos debates.

“As promessas engavetas pelo governo do estado massacram a nossa região” relatou Márvio Rocha, vice-prefeito de São Raimundo do Doca Bezerra ao narrar as dificuldades vivenciadas pela região. Uma das mais preocupantes, segundo ele, é a distância para receber assistência médica e a dificuldade de locomoção, já que a estrada que ligaria o município à cidade de Barra do Corda, a MA-012, ainda hoje aguarda conclusão do governo do estado.

Outra dificuldade presente no dia-a-dia da região reside na área da saúde pública. “O único hospital construído pelo governo do estado para atender a demanda da região está fechado por falta de médicos, equipamentos e remédios. Não passa de um prédio”, denunciou Zé Wilson, ex-prefeito de São Roberto.

A ausência do governo do estado também foi relatada por João Pereira, presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Esperantinópolis. Para ele, as deficiências em assistência técnica e as dificuldades para a regularização fundiária representam os maiores entreves ao desenvolvimento do pequeno agricultor.

“Estamos no abandono. Sequer somos recebidos no Palácio dos Leões para colocarmos as nossas reivindicações. Não recebemos assistência técnica e as dificuldades para a regularização fundiária travam a vida dos pequenos produtores que precisam buscar recursos nos bancos”, resumiu ele.

Maria Aparecida, da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Igarapé Grande, também fez reivindicações para o setor. “O Governo do Maranhão não tem compromisso com a agricultura familiar. Precisamos de programas e políticas públicas para os trabalhadores rurais”, disse.

Além de relatar as dificuldades, as lideranças da região apresentaram ao pré-candidato Flávio Dino, propostas para o desenvolvimento da região. Apontaram como alternativa a construção de um Hospital Regional em Pedreiras; a conclusão dos 65km que ainda precisam de asfalto na MA-012 e também a aplicação de políticas públicas que garantam ao pequeno produtor a regularização fundiária e a assistência técnica.

Ao ouvir as demandas e propostas da região, Flávio Dino reforçou o compromisso com a transformação do estado. “Faremos juntos o grande encontro do povo do Maranhão com a justiça e igualdade, porque administrar R$ 14 bilhões é tarefa para quem tem compromisso com as políticas sociais. É essa a função de um governador: transformar as riquezas do nosso estado em mais qualidade de vida para quem mais precisa”, defendeu o pré-candidato.

 

 

ENTENDA: VAI O PT MAIS NÃO VAI O POVO

imagesCAVEAAVU1211

Imagem ilustrativa

A frase acima é baseada no momento em que estamos  vivendo a política maranhense. Todos têm conhecimento de que o PT maranhense se decidiu e vai apoiar Edinho Lobão como candidato ao governo do maranhão nas eleições deste ano. Não seria novidade esperar isso do PT maranhense. Alias, do PT maranhense não, de meia dúzia que faz parte do diretório estadual e outros poucos ligados ao partido no interior do estado. O anúncio foi dado oficialmente essa semana durante um encontro com o Ministro de turismo, Gastão Vieira, em São Luis. José Antonio Hiluy, ex-secretário de Economia Solidária de Roseana poderá ser o candidato a vice com Edinho Lobão. As lideranças do PT no estado garantem que essas alianças servirão para fortalecer a reeleição da presidente Dilma.

EXPLICO MELHOR.

Que história é essa de  “Vai o PT, mas não vai o povo?”. É exatamente isso mesmo. É do conhecimento de muita gente que muitos membros do partido não querem aceitar a aliança do PMBD com o PT. Muitos não querem aderir a campanha de Edinho Lobão, até mesmo membros do partido que fazem parte da diretória, o exemplo está em Codó. Aqui, muitos filiados do partido não vão acompanhar o pré-candidato Edinho Lobão. Mas o que dar para se perceber mesmo é que o povo maranhense vive cansado de tantas promessas mirabolantes. Os lideres do PT não representam a maioria do estado do maranhão, por isso o povo não quer acompanhar aquilo que esta sendo imposto por questões pessoais, e sim aquilo que vem sendo construído no estado há muito tempo. Não adianta impor um candidato ao povo do maranhão. Vamos analisar com sabedoria aquilo que estão querendo colocar em nossas cabeças. O povo não é marionete para ser conduzido de um lado para outro sem ter a oportunidade de escolher e muitos menos expor aquilo que pensa.

 

” CUMPRIR A CONSTITUIÇÃO É O PRINCIPAL CAMINHO PARA GOVERNAR BEM” DEFENDE FLÁVIO DINO

flavidino2

Flávio Dino

O coordenador do Diálogos pelo Maranhão e pré-candidato a governador do estado, Flávio Dino (PCdoB), defendeu a necessidade de o Estado assegurar, na prática, os ideais republicanos como forma de garantir o desenvolvimento e a justiça social aos maranhenses. A defesa foi feita durante o evento Diálogos Jurídicos, organizado por advogados, professores e estudantes de Direito, e que contou com palestra do constitucionalista Alexandre de Moraes, falando sobre o tema “Constituição e o Estado Republicano”.

Durante a palestra de Dino, ele apresentou como ideal de um governo democrático e acessível a todos o cumprimento do que preconiza a Constituição Federal. Entre os princípios que devem ser seguidos está a legalidade, a impessoalidade, com tratamento igualitário a todos, e a moralidade. “A Constituição é na verdade um guia de conduta do administrador. Cumprir a Constituição é o principal caminho para governar bem”, afirmou.

Percorrendo o Maranhão nos Diálogos, Flávio Dino descreveu também a realidade do estado. Apesar da riqueza natural das cidades, as oportunidades não chegam para todos os cidadãos. A mudança desse cenário, segundo ele, deve vir da administração em favor da melhoria da qualidade de vida do povo e correta aplicação do dinheiro público, premissas que integram o Programa de Governo.

“Nós estamos buscando cumprir exatamente aquilo que está na Constituição, referente ao princípio da eficiência, ou seja, aplicar bem o dinheiro público em favor de serviços de qualidade para todos. Para isso mesmo, precisamos fazer que não haja desvios, não haja improbidade, não haja desonestidade, o que impede que o dinheiro público cumpra a sua finalidade, a sua função”, disse Flávio Dino.

Alexandre de Moraes, um dos maiores especialistas em Direito Constitucional do Brasil, doutor em Direito do Estado, professor da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Presbiteriana de Mackenzie, convidou os operadores de Direito – advogados, juízes, promotores, estudantes, que por terem mais contato com a Constituição, devem atuar no auxílio e divulgação dos princípios constitucionais para que o povo possa escolher melhor os dirigentes.

“Qualquer candidato deve se espelhar na Constituição, porque o que o povo exige não é mais e nem menos o que a Constituição garante. Garante direitos sociais, saúde, educação, segurança, justiça; então, todos os governantes devem se espelhar na Constituição”, apontou Alexandre de Moraes.

O constitucionalista apresentou a Constituição como orientadora do desrespeito aos desvios de verbas públicas, nepotismo, a garantia da impessoalidade na administração pública, a licitação como forma de garantir a livre concorrência, e os órgãos de como Defensorias e tribunais de contas para coibir eventuais exageros. 

“A Constituição é um instrumento básico para uma boa administração. Após 25 anos da Constituição não podemos compactuar com práticas atrasadas. Enquanto não houver compromisso e a população exigir mais do administrador, não vamos mudar. É preciso trabalhar a conscientização melhor de todos e uma cobrança maior do povo na hora de votar e fiscalizar, além de fazer a escolha por quem respeita os princípios constitucionais, só assim vamos fazer um país melhor”, enfatizou.

Moraes elogiou a iniciativa de reunir advogados e trazer para São Luís, através do Diálogos Jurídicos, o debate com temas jurídicos tão importantes, que têm uma repercussão grande na vida do brasileiro, como a discussão do que é República e como construir um estado melhor.

Os advogados e deputados estaduais Marcelo Tavares e Bira do Pindaré (ambos do PSB), Neto Evangelista (PSDB), e Rubens Júnior (PCdoB), além do consultor jurídico da Assembleia Legislativa do Maranhão, Carlos Lula, e o vice-presidente da OAB-Seccional Maranhão, Valdênio Caminha, integraram a mesa do Diálogos Jurídicos. 

CONFIRA A AGENDA DE SHOWS EM CODÓ E REGIÃO DESSE FIM DE SEMANA

cores-vivas-e-festa-7fa6d

Imagem ilustrativa

Aqui no Blog do de Sá você fica sabendo de todas as festas que vão acontecer em Codó e na Região dos Cocais. Confira abaixo.

HOJE, SEXTA-FEIRA, DIA 30.

A banda Relyquia Musical estará se apresentando no Club dos Arrumadores, juntamente com o cantor Brito Júnior de São Luis.

A banda Fruta Nativa vai se apresentar no Eventos Clube, na Trizidela, em Codó.

Hoje sexta feira a Banda Pizeirão do Forró se apresenta na comunidade Campestre dos alvins em Timbiras-ma

A banda Forró Sacode animará uma super festa na cidade de Loreto-MA

A banda Furacão do Forró estará hoje, sexta-feira, na cidade de Gov. Nunes Freire-MA

A Banda Malla 100 Alça estará fazendo show na cidade de Paraibano-MA

AGENDA DE SÁBADO, DIA 31

No Sábado tem tributo a Boby Marley na fazendo show com Norres Cole, a festa incia as 22 horas

No sábado a Banda Fruta Nativa se apresentará na Casa Bom Jesus, município de Pedreiras-MA

A Banda Malla 100 Alça estará se apresentando na cidade de Barra do Corda-MA

A Banda Relyquia Musical fará show no Clube do Juca, em Codó-MA

AGENDA DO DOMINGO, DIA 1

A Banda Relyquia Musical estará a tarde no Aconchegos Bar, em Codó. O show começa as duas da tarde e vai até as 18 horas

A noite inicia as 22 horas no Sítio da Hilda em Codó-ma

A Banda Fruta Nativa estará à tarde no Balneário Recurso, em Codó. A festa começa as duas das tarde

A  noite Fruta Nativa estará em Alto Alegre-MA

 

ARTIGO DE JACINTO JÚNIOR: LOBINHO E SUAS ATIRADAS

10294348_306918329464987_7999389150286570278_n

Jacinto Júnior

Por mais que não pareça ser, mas o é. A pré-candidatura de Edinho 30 é uma enorme preocupação para o “Califa das Arábias do MA” (Sarney) que quase vai à loucura quando tomou conhecimento de sua entrevista concedida ao Jornal Valor Econômico. Nela, arremata o seguinte: “que o oligarca estar em fim de carreira política e que iria promover uma auditoria nas contas públicas do estado”; esse discurso na verdade, não contemporaneiza nenhuma eloqüente verdade e nem revela um sentimento de indignação em relação ao atual quadro político e social no estado do Maranhão e, menos ainda, estabelece um contraponto ou ruptura com esse modelo conservador que existe há 50 anos. Tal discurso deveria sim, ser utilizado por seu oponente que seria mais apropriado, razoável e coerente.

O pano de fundo daquela entrevista não contribuiu em nada e não lhe rendeu nenhum dividendo político, ao contrário, o colocou numa “saia justa”, pois, a falta de norte e de maturidade política quase lhe causa a perda do direito à primogenitura política abençoada pelo “Califa das Arábias do MA”. Sua salvação foi o seu genitor que, após ser interpelado (chamado à atenção) pelo “Califa”, imediatamente o procurou para orientá-lo a ser menos eufórico e evitar, assim, um dano maior ao grupo e a si mesmo, não se perdendo em seu insosso, decrépito e atabalhoado discurso reacionário.

Um detalhe nos chama particular atenção: a questão das pesquisas. Vamos analisar passo a passo esse fenomenal crescimento nas intenções de votos ao pré-candidato Edinho 30 representando o velho “Califa das Arábias do MA”. Primeiro ponto: desde a primeira hora a “moça” já vinha articulando o nome de um de seus séquitos colaboradores, a saber: Luis Fernando, o “super-secretário”, o “homem resolução” – e não revolução entendam bem -, para disputar o cargo majoritário no intuito de suceder a atual gestora e dar continuidade ao domínio do clã das “Arábias do MA”; felizmente, todas as tentativas para blindar o nome em questão e fazê-lo despontar na opinião pública foram em vão e inúteis. Ora, convenhamos e venhamos se, de um lado, a “moça” com toda sua inigualável habilidade política em compor arranjos, deu com o “burro n’água”; imagine uma candidatura meteórica e zonza como a do Edinho 30. E, de repente, numa incrível superação inimaginável o novo nome sugerido pelo clã das “Arábias do MA” em apenas dois meses de pura mídia já superou o patamar invejável de 25% (tal afirmação é garantida pelo próprio “Califa”). Isto de fato, denota uma capacidade de mobilidade política sem precedência na nossa sofrida e humilhada história; temo que essa pré-candidatura ganhe uma dimensão espacial extrapolando a estrosfera em menos tempo do que se possa pressupor; semelhantemente a um cometa de Halley que ocorre de setenta em setenta anos numa velocidade astronômica. Notável esse fenomenal crescimento do Edinho 30. Mas, vejamos o segundo ponto dessa análise: a rejeição ao nome do pré-candidato abençoado pelo clã “Califa das Arábias do MA”, tem sido motivo para que o seu inimigo interno (Ricardo Murad) sugerisse a sua imediata substituição. Tal articulação obrigou o grupo a se reunir publicamente e o pré-candidato desdizer tudo que havia dito antes, além de crucificar os blogueiros oposicionistas como os principais responsáveis por todo tipo de ilações postadas.

Edinho 30 é a síntese da manutenção do atual quadro manifesto desde a década de 1960. Não representa nenhuma mudança, ao contrário, sustentará o pilar draconiano conservador que permanece por mais tempo na história – o “Califa das Arábias do MA”- no controle político de um estado.

Arvora-se detentor de uma influência imbatível, talvez seja esse o pensamento torpe e quasímodo do pré-candidato neoliberal Edinho 30, internalizado como válvula de escape para reafirmar sua permanência na disputa do aparelho de estado dirigido pela “moça” e, ao mesmo tempo, forjando uma circunstância inexistente para fraudar o verdadeiro sentimento que impera nas entranhas de cada cidadão/ã maranhense ávido por mudanças estruturais. Além disso, o egocentrismo imanente sugere sua aparição a todo o momento com uma falsa informação nos meios de comunicação de massas para criar fatos políticos que o projete como um excelente político capaz de promover uma grande reforma na estrutura intocável do estado combalido e fragilizado ante o modelo conservador instituído historicamente.

Outro discurso apregoado pelo pré-candidato filhote do neoliberalismo (cujas raízes o alcunhara de Edinho 30) é que já conseguiu arregimentar – segundo o próprio pré-candidato – mais de 2/3 dos gestores municipais do estado. Mas, de fato, será que essas alianças ‘por cima’ são eficazes, são determinantes? Ou ele esquece que os maiores colégios eleitorais (Imperatriz, São Luiz, Caxias, Timon, Codó) são oposição a ele e ao seu patriarca “Califa das Arábias do MA”? Na verdade, vejo com outro olhar essa tática, pois, considero que a soma de todos os líderes e caciques que estão se unindo à pré-candidatura do Lobinho 30% não será suficiente para impedir sua fragorosa derrocada e apagar do mapa essa tragédia chamada Sarney e Cia. A história fará justiça consigo mesma.

O destrambelhado membro da matilha Lobão e pré-candidato ao governo do estado tenta imprimir um estilo que não lhe é peculiar, na busca de se firmar como político forte e influente, contudo, o que tem feito é apenas retratar o seu verdadeiro método: a baixaria. Recordemos que, recentemente, numa entrevista concedida a uma rádio local em São Luis, ofereceu uma quantia (R$ 20.000,00) significativa e atraente para qualquer cidadão que lhe apresentasse provas documentais sobre a passagem do pré-candidato oposicionista na EMBRATUR insinuando que a mesma fora marcada pela “depredação”, “desvio de verbas” e etc. Esse comportamento denuncia e prenuncia como serão os programas televisivos durante o processo eleitoral e o estilo marcante da direita de fazer a politicalha. Antes de qualquer coisa, a comunidade maranhense precisa acreditar e renovar suas esperanças e que assim seja. Por um grande Maranhão a todos os oprimidos e excluídos historicamente!

Por Jacinto Júnior

 

DIA DO DESAFIO MOBILIZA POPULAÇÃO DE ALDEIAS ALTAS

DSC_0113

Fotografia do evento

Desde as primeiras horas da manhã de quarta (28), as atividades tiveram início nos mais diferenciados setores (escolas, clubes, entidades de bairro, secretarias municipais, entre outras). Houve também atividades na zona rural.

Aeróbica, disputas esportivas ou até mesmo uma simples caminhada. Valia tudo para sair do sedentarismo. De acordo com o cronograma do Dia do Desafio, bastavam 15 minutos de exercícios para computar a participação.O que não faltou foi criatividade e iniciativa dos aldeiasaltenses.

“O objetivo de movimentar a população e incentivar a prática de esporte foi alcançado. Quem venceu o desafio não é o mais importante, mas sim a possibilidade de fomentar o esporte na cidade”, disse o prefeito Dr. Tinoco.

Na avenida João Rosa, uma multidão se concentrou para mais atividades. Na oportunidade o prefeito Dr. Tinoco foi condecorado com uma placa de honra ao mérito por incentivar práticas esportivas no município.

Outras autoridades como o vice-prefeito Gênio, presidente da Câmara Itamar Soares, demais vereadores secretários e coordenadores também participaram do evento.

Para finalizar, a população dançou ao som da banda Forró no Grau, um dia que vai ficar marcado na história de Aldeias Altas.

Fonte Portal Noca

 

PRÉ-CANDIDATURA DE DR.MÁRIO BRAGA É CONFIRMADA PELO PRESIDENTE DO PRTB -MA

IMG-20140528-WA0000

Mário e João

Esta semana o médio, Dr. Mário Braga, esteve em São Luís reunido com o presidente do PRTB, João Câncio. Os dois aproveitaram um bom café da manhã para colocar a conversa em dia, e claro, falar sobre política. O presidente João Câncio falou sobre a importância de Mário Braga para a região e disse ver no Médico um nome importante para entrar na luta em defesa dos menos favorecidos. O presidente também comentou que a candidatura de Mário Braga para deputado federal na região dos cocais é imprescindível.

UMA CANDIDATURA QUE REPRESENTA A MASSA.

O presidente do PRTB observou que muitos fatores estão a favor de Mário Braga. O médico codoense tem bom acesso a massa trabalhadora e aos grandes nomes da política maranhense. A alta cúpula do partido enxerga no jovem médico uma presença corajosa e determinada quando o assunto é política. Na visão do presidente, Mário Braga é um nome que pode surpreender o eleitorado codoense, pois carrega a força das tradições do povo codoense e um currículo impecável como profissional e cidadão.

FAVORITISMO DE FLÁVIO DINO MOVIMENTA CÂMARAS MUNICIPAIS

10363813_731276813582413_5916286317178464034_n

Imagem pesquisa

O favoritismo de Flávio Dino (PCdoB), pré-candidato ao governo do Maranhão, tem sido motivo de preocupação no interior do Estado e o principal argumento para a antecipação de eleições nas Câmaras Municipais.

A última pesquisa registrada apontou Flávio Dino com 56% das intenções de voto contra apenas 23% do seu principal opositor, Edinho Lobão. Depois da divulgação dos números e diante da movimentação da classe política, começou um movimento para a antecipação de eleições que normalmente só ocorreriam no final deste ano.

Muitos municípios são governados por prefeitos ligados ao grupo Sarney. Os prefeitos mantem um controle quase absoluto sobre os vereadores para garantirem a aprovação das matérias do Executivo. Com o panorama que se apresenta, confirmada a eleição de Flávio Dino, a mudança se refletirá na vida política dos municípios. Vereadores que hoje são leais a um grupo poderão mudar de ideia depois de outubro, mês das eleições.

É desse pensamento que muitos prefeitos partem para incentivar a antecipação das eleições nas Câmaras dos seus municípios. Entendem eles que, se realizada a eleição agora será mais fácil controlar os edis.
Um exemplo é Bacabal e Codó,por aqui, a eleição da mesa diretora da Câmara será no inicio deste mês de Junho.

Em Bacabal, uma das maiores cidades do Maranhão, é grande a movimentação para antecipação da eleição da Câmara. O prefeito da cidade é o pecuarista José Alberto Veloso (PMDB). Ele conta com o apoio da maioria dos vereadores mas teme que, caso se concretize a eleição de Flávio Dino, não tenha condições de eleger um aliado seu para presidir o Poder Legislativo na cidade.
Nesta quarta-feira, deve ser votado um projeto de Resolução para alterar o Regimento Interno da Câmara que disciplina a eleição. A presidente da Câmara, vereadora Regilda Santos (PSD) está desgastada com a denúncia de ter cometido irregularidades na assinatura de contratos. O processo está sendo conduzido pelo articulador político e guru do prefeito, o empresário Gilberto Lacerda.

 Fonte Louremar Fernandes