ABANDONO: DE TANTO ESPERAR, MORADORES DE CAPINZAL DO NORTE RESOLVEM LIMPAR CAIXA D,ÁGUA POR CONTA PRÓPRIA

IMG-20160418-WA0087

Sujeira

Populares do povoado Terreirão, em Capinzal do Norte, cansados de esperar por uma atitude do prefeito Roberval Campelo, que parece está pouco preocupado com os problemas da população, decidiram na segunda-feira (18) fazer a limpeza das duas caixas d’águas que abastecem o povoado.

 Aquela que parecia ser somente uma simples limpeza deixou todos surpresos com a quantidade de lama encontrada, uma decepção para todos que pensavam que consumiam água de razoável qualidade. Das duas caixas foram retirados dezenas de baldes de lama amarela e aparentemente apodrecida, sujeira que pode ter transmitido e contaminado toda população do povoado de verminoses, além de possíveis problemas renais.

Com a corajosa atitude da população, todos passarão a tomar água de mais qualidade, sem odor e a presença de lama. Os populares dos outros povoados deverão seguir o mesmo caminho, pois se forem esperar pelo prefeito…  Segue abaixo mais fotos da sujeira nas caixas.

IMG-20160418-WA0089

Limpeza

IMG-20160418-WA0086

Limpeza

IMG-20160418-WA0085

Caixa

Fonte: Blog do Lobão

POR PASTOR PORTO: JACKSON LAGO E O 17 DE ABRIL

porto

Luis Porto, pastor evangélico e vice-prefeito de Imperatriz

Eu nem ia escrever essa mensagem para não parecer revanchismo.
Mas depois do voto de ontem do Dep. José Reinaldo, fazendo menção a Jackson Lago, resolvi escrever. Foi muito emocionante porque me fez lembrar de um momento doloroso da minha história, da história do Dr. Jackson Lago e da história do Maranhão.
17 de abril de 2009. Exatos 7 anos atrás o governador do MA, Jackson Lago e eu, Luiz Carlos Porto, vice governador, fomos tirados do governo. Injustamente. O Supremo Tribunal Federal reconheceu e afirmou depois o grave erro jurídico. E depois da morte, “in memorian”, Jackson Lago recebeu a maior Comenda do Senado Federal.
Lembram as acusações? Foram 3:
1) Uma fala em um sindicato em Pinheiro. Dr. Jackson nem candidato era ainda. E não pediu votos.
2) Aniversario de Codó. Dr. Jackson foi convidado. Nem candidato era. Discursou. Não falou de voto.
3) Em Imperatriz, fomos acusados de que algum aliado nosso comprou voto para nós. Depois, a pessoa foi encontrada e afirmou que recebeu dinheiro para dar o testemunho contra Dr. Jackson. Logo em Imperatriz, que tivemos quase 80% dos votos. Tentamos apresentar o depoimento da pessoa que nos acusou. Mas o TSE recusou colocarmos o depoimento no processo. Tudo já estava armado.
Era para nos tirar do governo a qualquer preço. Foi duro. Dr. Jackson Lago disse que só sairia do Palácio dos Leões, morto. Eu e outras pessoas tivemos que convencê-lo. Descemos juntos as escadas do Palácio. Muitos que hoje usam o nome dele na TV com oportunismo, estavam festejando a nossa cassação naquele dia. É a historia andando. Mas o povo não esquece facilmente os fatos e personagens reais da verdadeira historia.
Ontem acompanhei a agonia das pessoas que articularam a nossa cassação. Alguns dos que lutaram para tirar o nosso mandato estavam no banco dos réus. E com provas incontestáveis.

Justamente no dia 17 de abril. No dia que o Maranhão chorou com a cassação do nosso mandato. Exatos 7 anos depois, parte dos que atentaram contra nós, começou a chorar.
Ironia de que? Do destino? De Deus? Da História?
Nosso inesquecível governador já nos deixou. E as lembranças dele são sempre emocionantes. Um homem de bem. Um homem honrado.
Deixou exemplo, atitudes e feitos.
Quanto a mim e a minha família, a vida continua por aqui. Estou de pé. Viajo com minha esposa, Cristina, pelo Brasil afora dando palestras para famílias, pela Assembleia de Deus. Uma missão de extrema relevância e que nos dá muita satisfação. Sou o Vice-prefeito de Imperatriz, minha cidade; presido novamente uma das instituições mais importantes da cidade, a Academia Imperatrizense de Letras e também me preparo para disputar a Prefeitura de Imperatriz, em 2016.
A vida é assim: cheia de atos, gestos, lembranças e surpresas. Ontem, o ex-governador Zé Reinaldo me surpreendeu e me emocionou. Garanto, que se Jackson Lago estivesse votando ontem em Brasília, o seu partido, o partido que ele fundou, não teria andado no caminho que muitos andaram.

Viva Jackson Lago!

VEREADOR PASTOR MAX PARABENIZA CODÓ E LAMENTA A INÉRCIA DO GOVERNADOR FLÁVIO DINO EM RELAÇÃO AO MUNICÍPIO

DD

Max

Em seu discurso no parlamento codoense, o vereador Pastor Max iniciou suas palavras ao povo de Codó, parabenizando todos os cidadãos pelos 120 anos de emancipação política do município. O edil, que participou de todas as cerimônias comemorativas ao aniversário, das entregas de títulos e honrarias aos destaques na sociedade e da inauguração das obras para a população deixou seu recado aos munícipes. Quero parabenizar as nossas famílias e a todo este povo ordeiro e trabalhador,que tem contribuído com a construção da história do nosso município e do seu desenvolvimento. Dizer-lhesque continuem mantendo firme a esperança, a confiança e o trabalho. Porque continuaremos lutando por uma Codó justa e próspera”.

Obras e recursos

Max Parabenizouao prefeito Zito, que mesmo diante de tantos fatos negativos que envolvem a nação, as dificuldades que abraçam o município, fez esforços para entregarao povo de Codó obras importantes que trarão dignidade e a melhoria da sua qualidade de vida. Foram duas UBS – Unidades Básicas de Saúde, devidamente equipadas e que a partir de agora atenderão com qualidade a população do Sabiazal e Residencial Santa Rita, bem como do Residencial da Trizidela, que também recebeu a sua UBS. A comunidade Santa Barbara recebeu o bem mais precioso deste século: água potável de qualidade, com a perfuração do poço artesiano e sistema de abastecimento que beneficiará todo aquele povo. Também foi entregue a população a reforma e ampliação da Creche Robson Rolim, que agora atenderá a comunidade com o padrão e a qualidade que ela merece”, pontuou.

O edil também lembrou que foram dadas muitas notícias boas para o município, como as emendas do Senador Roberto Rocha que enviará recursos para o município de Codó na ordem de cerca de 5 milhões de reais, envolvendo estradas vicinais, maternidade do HGM, reforma do hospital, entre outras melhorias.

Inércia do Estado e insegurança pública

Todavia, o vereador também comentou e lamentou a inoperância da gestão do governo estadual e do clima de insegurança em todo o Estado, em especial em Codó, pela falta de condições dadas as forças de segurança. Existem graves problemas que tem entristecido nosso povo, muitos deles causados pela inoperância do governo estadual, que enquanto envida esforços para defender um governo corrupto, deixa atender a população do Estado do Maranhão, principalmente do município de Codó que clama por melhorias e ações deste governo. Como por exemplo, a segurança pública, que necessita com urgências dessas melhorias. Não adianta um novo batalhão, novos policias se não lhes oferecem condições adequadas de funcionamento e trabalho”.

Forças de segurança sem condições de trabalho

Citando o artigo 6º da Constituição, no qual o Estado deve atuar para promover e concretizar os direitos sociais, dentre eles, o de garantia da segurança pública, Max colocou alguns problemas pontuais em relação à segurança. O que traz segurança para população é polícia na rua, são projetos de prevenção ao crime, condições para que os nossos valorosos policiais desenvolvam o seu papel social, respeitando nossa população. Mas para que isso aconteça é necessário que essas condições sejam oferecidas pelo Estado. Infelizmente não temos visto. Falta até mesmo combustível para as viaturas, refeição para os policiais de plantão. Policiais estão fazendo vaquinha para colocar combustível nos veículos. O discurso do governo já cansou. É preciso que o governo se comprometa com o agora! O descaso governamental com a segurança pública é tão grande que aos mais céticos e otimistas recomendo uma visita ao Batalhão de Polícia Militar”.

Povo clama por segurança

O Parlamentar encerrou comtristeza ao dizer que em Codó as pessoas não ocupam mais as calçadas à frente de suas casas para um bate-papo ao final de um extenuante dia de trabalho,que as crianças não podem mais brincar na rua,pois os tiroteios são frequentes e que Jovens estão morrendo quase que toda semana. As ações da segurança pública em Codó mostram-se distantes do aparelhamento necessário ao banimento do criminoso de nossas ruas. Predominam o discurso da contínua promessa de recursos. Basta!”.

Ascom

COMEÇAM AMANHÃ DIA (20) INSCRIÇÕES PARA O CONCURSO DA PREFEITURA DE CODÓ

codó

Ilustrativa

A prefeitura de Codó divulgou hoje (19) os editais n° 001 e 002/2016 de concurso público, para provimento de cargos efetivos e formação de cadastro reserva. São ofertadas 74 vagas distribuídas entre os cargos de Assistente Social (3), Enfermeiro (5), Fisioterapeuta (1), Fonoaudiólogo (1), Médico (5), Médico Veterinário (1), Nutricionista (1), Odontólogo (2), Psicólogo (2), Supervisor Escolar (3), Professor de Educação Infantil (10), Professor do Ensino Fundamental – 1° ao 5° ano (15), Agente de Arrecadação (6), Técnico em Enfermagem (15), Técnico em Laboratório (1) e Procurador do Município (3).

As inscrições iniciam amanhã (20) e se estendem até o dia  9 de maio de 2016, exclusivamente pela internet, no site www.fsadu.org.br ou www.sousandrade.org.br, mediante pagamento de taxa no valor de R$ 55,00 para nível médio e R$ 85,00 para nível superior.

O concurso será composto de uma Prova Objetiva, que será realizada em data provável de 28 e/ou 29 de maio de 2016, em local e horário a serem divulgados no documento de confirmação de inscrição. Para os candidatos a cargos de Professor e Procurador do Município, haverá ainda Prova de Títulos.

Os profissionais selecionados para os respectivos cargos atuarão em jornadas de trabalho entre 25 a 40 horas por semana, com vencimentos que variam de R$ 1.334,77 a R$ 4.892,65.

O prazo de validade deste concurso será de dois anos, contados a partir da publicação do resultado final, podendo ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da prefeitura de Codó.

Fonte: Blog do Minard

UTILIDADE PÚBLICA: IDOSO ESTÁ EM ITAITUBA NO PARÁ A ESPERA DE PARENTES QUE MORAM EM CODÓ

IMG-20160408-WA0268

José Ribamar Lobo

O blog do de Sá recebeu na semana passada uma informação de que um codoense está na cidade de Itaituba, no Pará, a espera de parentes que moram em Codó. Este senhor que aparece na fotografia ao lado aqui no Blog se chama José Ribamar Lobo e está em um abrigo na cidade de Itaituba. Lá ele está sendo cuidado pela assistência social. Ele não consegue explicar de fato muitos detalhes sobre seus familiares no município de Codó.

O blog tomou conhecimento desse caso por meio de um amigo e estamos fazendo está postagem no sentido de que este senhor possa encontrar seus familiares na cidade de Codó. De acordo com as informações que chegaram ao Blog em Codó, os parentes dele são: Uma irmã chamada Alice Lobo e um primo que se chama Claudionor Damasceno Trindade. Esse primo dele trabalha como musico e toca saxofone. O senhor José Ribamar Lobo não está enxergando bem, e por conta disso encontra inúmeras dificuldades. Em Itaituba, ele está sendo cuidado por uma assistente social de nome Cleide: segue o contato dela para mais informações: 093-99157-8184.