EM PEDREIRAS, POLÍCIA MILITAR COMEMORA OS 182 ANOS DA CORPORAÇÃO NO ESTADO

15 de Junho de 2018, sob o comando do Major Ricardo Almeida, o 19º Batalhão da Policia Militar comemorou o 182º aniversário da corporação no estado do Maranhão, em solenidade realizada na área externa do quartel, na cidade de Pedreiras (MA).
Um oficial do regimento fez um resumo histórico da origem da polícia militar no Maranhão, descreveu. “A polícia militar do estado do Maranhão já teve vários nomes. Foi criada através da Lei Provincial nº 21, de 17 de junho de 1836, com o nome de “Corpo de Polícia da Província do Maranhão”, e na década de 1950 recebeu o nome que existe até hoje: Polícia Militar do Estado do Maranhão”, explicou.

A Polícia Militar do Maranhão (PMMA ) tem por função primordial o policiamento ostensivo e a preservação da ordem pública no Estado do Maranhão. Ela é Força Auxiliar e Reserva do Exército Brasileiro, e integra o Sistema de Segurança Pública e Defesa Social do Brasil.

Solenidade

O ponto mais alto do evento foi as homenagens ao Tenente Henrique, entrou para a reserva, depois de 36 anos de serviço prestado ao PM do Maranhão. O policial militar, em diversos momentos, se emocionou com as homenagens e, em discurso, agradeceu aos colegas e disse que vai se dedicar agora a família.
Além do Tenente Henrique, outros militares foram agraciados com a homenagem honra ao mérito por tempo de serviços prestado e por atos de bravura, dedicação e lealdade que prestaram serviços em defesa da sociedade.

Outro momento de destaque foi a entrega da medalha de honra ao mérito militar, Brigadeiro Falcão, a mais alta comenda da corporação concedida a oficiais militares, praças e também a personalidades civis que, de alguma forma, se destacaram em relevantes serviços em prol da PMMA e da sociedade maranhense.
Os agraciados deste ano:

Cabo Ricardo
Cabo Samário
Cabo Menezes

Personalidades civis que se destacaram na vida pública ou por ato de cooperação ou prestação de serviços considerados de excepcional relevância, foram agraciados com a medalha de honra ao mérito Brigadeiro Falcão.

Cinco militares foram agraciados com a medalha de Mérito Operacional pelo trabalho relevante que realizaram em prol da sociedade.

Tenente Neris
Cabo Ricardo
Soldado Lins
Soldado Falcão
Soldado Brasileiro

Os policiais que participam da Força Tática Volante receberam homenagens pelas 61 armas de fogo retiradas de circulação em várias abordagens policial realizada em cidades do Médio Mearim.

Fonte: Carlinhos Filho

MINISTÉRIO PÚBLICO PEDE AFASTAMENTO DO PREFEITO DE SÃO BERNARDO

Mais uma vez, o Ministério Público do Maranhão por meio da Promotoria de Justiça de São Bernardo, ajuizou ação civil pública de improbidade administrativa contra o prefeito do município de São Bernardo, João Igor Vieira Carvalho, sarneysista de carteirinha.
A ação baseia-se no descumprimento pelo município da obrigação de manter em pleno funcionamento o Portal da Transparência.
Protocolada dia 07 de junho a ação pede o afastamento do prefeito do MDB. O processo com o Nº 535/2018 está em tramitação na comarca de São Bernardo.
João Igor é filho do ex-prefeito de Magalhães de Almeida, Neto Carvalho, condenado entre tantos processos, pelo Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) por dano causado pela ausência de licitação para contratação de empresa para realização de concurso público.
É aquela velha história… “tal pai, tal filho”!

 

Fonte: Domingos Costa

O MALANDRO SE DEU MAL: DELEGADO REAGE A ASSALTO E PRENDE ASSALTANTE EM SÃO LUÍS

Coordenador Executivo do Programa Pacto Pela Paz, da secretaria de Segurança Pública do Estado do Maranhão, o Delegado Dicival Gonçalves reagiu a uma tentativa de assalto a uma farmácia e prendeu o suspeito, na noite desta quarta-feira (13), no bairro Bequimão.
De acordo com testemunhas, os funcionários, um sargento do Corpo de Bombeiros e o delegado estavam dentro da farmácia. Por volta das 21 horas, o criminoso entrou, observou o pouco movimento e anunciou o assalto. O delegado reagiu e impediu que o suspeito roubasse o estabelecimento.
O criminoso, que estava com uma faca, acabou sendo rendido pelo delegado e imobilizado por um sargento da PM que também estava no local no momento da ocorrência. O bandido foi levado para o Plantão de Polícia Civil para ser autuado por tentativa de assalto.

                                                                   Assista ao vídeo abaixo:

Fonte: Domingos Costa

 

DEPUTADO WELLINGTON SAI EM DEFESA DA POLÍCIA CIVIL DO MARANHÃO

Em mais um pronunciamento em defesa dos policiais civis, o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB), voltou a denunciar o descaso do Governo Flávio Dino com a categoria.
Através de mais uma campanha de valorização da Polícia Civil divulgada em diversos outdoors pela capital, o sindicato da categoria (SINPOL), expôs um dado alarmante: mais de 40 policiais civis já morreram durante o atual governo sem alcançar a devida valorização prometida por Flávio Dino.

Nesse sentido, Wellington mais uma vez destacou a falta de condições de trabalho e de valorização do policial civil que sempre exerceu o dever de proteger a sociedade mesmo em situações desfavoráveis.
Em contrapartida, segundo o parlamentar, o Governo investe em numerosas propagandas que iludem a população maranhense sobre a atual situação da segurança pública do Estado.

Durante a última campanha para Governo do Estado, Flávio Dino fez uma série de promessas com objetivo de valorizar a Polícia Civil. Porém, atualmente, não há qualquer diálogo com a categoria e o estado abandona desvaloriza os policiais civis com salários insuficientes. Podemos constatar a indignação dos Policiais Civis espalhadas em outdoors pela capital e não podemos admitir que uma instituição tão importante como essa se encontre nessa situação de caos e abandono. É preciso que haja uma reestruturação imediata na Polícia Civil, tanto nas condições de trabalho, quanto na valorização salarial. Segundo o SINPOL, mais de 40 policiais civis já morreram neste governo sem alcançar a valorização prometida por Flávio Dino, por isso solicitamos que o Governador cumpra suas promessas e respeite e valorize o policial civil do Estado do Maranhão” disse Wellington.

Fonte: Gilberto Léda

FEMINICÍDIO: HOMEM QUE EXECUTOU A EX-ESPOSA EM CODÓ SE ENTREGA À POLÍCIA

Entregou-se hoje pela manhã, por volta das 11h30, na delegacia de Codó, na Companhia de seu advogado, FRANCISCO PEREIRA DA SILVA, 34 anos.
Quem o recebeu na delegacia foi o delegado regional Zilmar Santana, mas o caso será conduzido a partir de segunda-feira, 18, pela delegada da Mulher, Maria Tecla Cunha.
Francisco é acusado de matar a facadas sua ex-companheira Concilma Muniz Sousa, a Bia como era mais conhecida, na noite do último dia 10 de junho (domingo passado) na porta de um bar na Av. Maranhão.
Informações preliminares dão conta de que ele confessou o crime ao delegado Zilmar Santana e disse que o praticou movido por ciúmes.
Na segunda-feira Francisco Pereira da Silva será ouvido no inquérito pela delegada da Mulher.

Fonte: Acélio Trindade

“O CAPITÃO CHEGOU” GRITAM ELEITORES NA CHEGADA DE BOLSONARO A SÃO LUÍS

O pré-candidato à presidência da República Jair Bolsonaro desembarca em São Luís e é recepcionado por vários seguidores que cantam "o capitão chegou".

Publicado por Jornal Pequeno em Quinta-feira, 14 de junho de 2018

EM MATÕES, PREFEITURA É ACIONADA POR AUSÊNCIA EM TRATAMENTO DE ESGOTO

Ferdinando, prefeito de Matões

O Ministério Público do Maranhão, por meio da Promotoria de Justiça de Matões ingressou, no último dia 12, com Ação Civil Pública contra a Prefeitura de Matões devido à ausência dos serviços básicos prestados ao tratamento de esgoto.
Além da Prefeitura, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) também foi alvo da ação.
A falta de tratamento integral de esgoto vem causando dano ao meio ambiente e colocando em risco a saúde da população.
Segundo consta, foi elaborado o Plano Municipal de Saneamento Básico de Matões, por meio do Convênio 46/2011, firmado entre o Município de Matões e a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), resultando na Lei n° 612, de setembro de 2016. Entretanto, até a presente data, o Plano Municipal de Saneamento Básico do município não foi implementado.
Embora a responsabilidade para a prestação dos serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgotos seja do Município de Matões, a Prefeitura concedeu ao SAAE a exploração desses serviços.
Na ação proposta pela promotora de Justiça Patrícia Fernandes Gomes Costa Ferreira, foi pedido que o Município cesse, de forma imediata, o lançamento de esgoto sem tratamento em qualquer curso d’água a céu aberto, além de dispor de forma integral a coleta e tratamento de esgotos domésticos e industriais sob pena de multa de, pelo menos, R$ 100 mil diários em caso de descumprimento da ordem judicial.

Fonte: Luís Pablo