JOVEM É PRESO EM COROATÁ ACUSADO DE TRÁFICO DE DROGAS

Um jovem foi preso na noite desta quinta-feira (17), em Coroatá. Gilfrankis dos Santos 19 anos, foi preso como 7 pedras de craque, mas ele alega que foram somente quatro. O messo já tem passagem pela polícia por homicídio na cidade de Coroatá.

                                                       Assista o depoimento dele abaixo:

VEREADOR CODOENSE, PEDRO SANTOS, ESTÁ SENDO DENUNCIADO PELO MINISTÉRIO PÚBLICO POR FRAUDE EM LICITAÇÃO EM ALDEIAS ALTAS

Pedro Santos

O vereador codoense Pedro Santos, está sendo denunciado pelo Ministério Público por fraude em licitação na cidade de Aldeias Altas. De acordo com a denúncia do MP, Pedro Santos e mais cinco pessoas teriam dificultado a participação de outras empresas na licitação para a realização do carnaval no ano de 2016, ainda segundo o Ministério público as cinco pessoas denunciadas teriam dado tratamento privilegiado a uma única empresa, a  R.S. LOBATO FILHO, representada pelo senhor: Rafael de Sousa Lobato Filho.

IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA.

Pela mesma razão e na mesma data, o MP-MA propôs ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra os envolvidos. As manifestações foram ajuizadas pelo promotor de justiça Francisco de Assis Silva Junior da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Caxias da qual o município de Aldeias Altas é termo judiciário.

ACUSADO DE FRAUDAR LICITAÇÃO

Os integrantes da comissão de licitação Antônio Barbosa Loura de Menezes, Antônio Pinheiro e Silva e Pedro da Silva Santos são acusados de fraudar o caráter competitivo dos procedimentos.

A Promotoria pediu ainda,l a condenação dos requeridos à reparação dos prejuízos causados ao erário, que totalizaram R$ 337.916,00.

Na ação civil por ato de improbidade administrativa, como medida liminar, a 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Caxias solicitou a indisponibilidade dos bens dos envolvidos até o montante de R$ 337.916,00.

TODO ENROLADO

Outras denuncias já surgiram em outros municípios contra o vereador codoense e com elas o vereador Pedro da Silva Santos poderá se complicar todo com a justiça e ter sua candidatura à reeleição em 2020 impossibilitada. O Blog do de Sá tentou contato com o referido vereador, mas não obtivemos êxito. O BLOG DO DE SÁ está à disposição caso o vereador queira se manifestar contra esta postagem.

VÍDEO: DELEGADO RÔMULO FALA SOBRE A PRISÃO DOS ENVOLVIDOS NA MORTE DO COMERCIANTE BEBÉ

Durante entrevista  concedida a repórter Emanuela Carvalho, da TV Cidade, o delegado Rômulo Vasconcelos deu todos os detalhes da prisão de Antônio da Silva Rocha Filho, mais conhecido por “Fura Porca”, 29 anos. “Furo Porca” é apontado como o  quarto suspeito de participar do assassinato do comerciante Raimundo Nonato Gomes de Almeida, conhecido como Bebé, 62 anos.

Segundo o delegado Rômulo Vasconlos , “Fura Porca” foi preso ontem (17), por volta das 12h, em sua residência no bairro São Sebastião. Ele e outros quatro homens teriam cometido o crime na madrugada do último domingo (13).

                                                                        Assista:

Vídeo gravado por Emanuela Carvalho e extraído do Blog do Marco Silva

MINISTÉRIO PÚBLICO OFERECE DENÚNCIA CONTRA EX-PREFEITO E MAIS CINCO PESSOAS POR FRAUDE EM LICITAÇÃO EM ALDEIAS ALTAS

Em razão de irregularidades em dois procedimentos licitatórios referentes ao Carnaval de 2016, o Ministério Público do Maranhão ofereceu Denúncia, em 28 de novembro, contra o ex-prefeito de Aldeias Altas, José Benedito da Silva Tinoco.

Também foram denunciados Maria do Socorro Ferro Tinoco (ex-secretária municipal de Finanças), Rafael de Souza Lobato Filho (representante da empresa R.S. Lobato Filho), Pedro da Silva Santos (pregoeiro) e os integrantes da equipe de apoio da comissão de licitação Antônio Barbosa Loura de Menezes e Antônio Pinheiro e Silva.

Pela mesma razão e na mesma data, o MPMA propôs Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa contra os envolvidos. As manifestações foram ajuizadas pelo promotor de justiça Francisco de Assis Silva Junior, da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Caxias, da qual o município de Aldeias Altas é termo judiciário.

A investigação do Ministério Público do Maranhão teve início após representação da empresa F.R. Silva Costa e Cia. LTDA EPP que não conseguiu participar das sessões dos referidos procedimentos licitatórios.

Ambas as licitações foram feitas na modalidade pregão presencial. A primeira teve como objeto a contratação de bandas para a realização de shows carnavalescos em Aldeias Altas. O valor foi de R$ 232.800,00.

O segundo pregão teve como finalidade a contratação de empresa para locação e montagem de equipamentos de som, iluminação, palco, gerador, banheiros químicos, entre outros detalhes estruturais, no valor de R$ 105.116,00.

Os dois procedimentos somados resultaram na quantia de R$ 337.916,00, que foi paga à empresa R.S. Lobato Filho, única participante e vencedora dos pregões.

De acordo com o promotor de justiça, após a análise das provas, incluindo o depoimento dos envolvidos, foi constatado que as licitações serviram para o desvio de recursos públicos, tendo havido conchavo dos participantes para favorecer a empresa vencedora. Inclusive, os depoentes apontaram que as licitações não foram realizadas formalmente, já que a assinatura das atas teria sido efetuada somente no dia posterior.

PEDIDOS

Na Ação Penal, o MPMA solicitou a condenação de José Benedito da Silva Tinoco e Maria do Socorro Ferro Tinoco por terem desviado recursos municipais. Já Rafael de Souza Lobato Filho por ter sido beneficiado pelas fraudes licitatórias.

Os integrantes da comissão de licitação Antônio Barbosa Loura de Menezes, Antônio Pinheiro e Silva e Pedro da Silva Santos por terem fraudado o caráter competitivo dos procedimentos.

A Promotoria pediu, ainda, a condenação dos requeridos à reparação dos prejuízos causados ao erário, que totalizaram 337.916,00.

Na Ação Civil por ato de improbidade administrativa, como medida liminar, a 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Caxias requereu a indisponibilidade dos bens dos envolvidos, até o montante de R$ 337.916,00.

Também foi solicitada a anulação das licitações, bem como dos contratos resultantes dos certames. Outro pedido é referente à condenação dos requeridos conforme a lei nº 8.429/92 (Lei de Improbidade Administrativa), cujas sanções previstas são ressarcimento do dano causado ao erário, pagamento de multa, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos e a proibição de contratar ou receber benefícios do Poder Público por um prazo de até dez anos.

PREFEITO DE CÂNDIDO MENDES MANDOU MATAR SECRETÁRIO DE SAÚDE APÓS DESCOBERTA DE CASO EXTRACONJUGAL

A Polícia Civil diz não restar dúvida que o prefeito de Cândido Mendes, José Ribamar Leite Araújo, o Mazinho (PP), atuou como mandante do assassinato de Rolmerson Robson, então secretário de Saúde do município. O crime ocorreu no dia 21 de fevereiro de 2014 em uma emboscada quando a vítima dirigia pela estrada que liga a sede da cidade ao povoado Águas Belas.

Rolmerson  foi morto com três tiros: um no ombro, outro no pescoço e o terceiro na nuca. Então titular da Saúde de Cândido Mendes na primeira gestão de Mazinho Leite, Robson era casado com a advogada Edna Maria Cunha de Andrade. As investigações apontam que o prefeito agiu de forma orquestrada com a esposa do ex-secretário, na época Procuradora do município, após a descoberta de um relacionamento extraconjugal dela com o gestor da cidade.

No dia 03 de agosto de 2018 o Blog do companheiro Domingos Costa publicou post no qual revelou que a Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) do Maranhão tinha instaurado um Procedimento Investigatório Criminal (PIC) para apurar se o prefeito atuou como mandante do assassinato de Rolmerson (LEMBRE).

– Prisão

Acusado de efetuar os disparos a mando do prefeito

Na manhã desta quarta-feira (16), a Polícia Civil do Maranhão cumpriu em São Luís mandado de prisão em desfavor de Ney Moreira Castro, na época do assassinato ele era funcionário da secretaria municipal de Saúde.

As investigações apontam para Ney como o autor dos tiros que ceifaram a vida de Rolmerson Robson. No seu depoimento, o acusado apresentou versões conflitantes ao longo do inquérito policial.

De acordo com o delegado Guilherme Souza Filho, os exames periciais foram decisivos para elucidar o caso, pois apresentaram comprovações que os tiros contra o secretário foram disparados do banco de trás de dentro do veículo que ele se encontrava, e não por pistoleiros que o abordaram em um motocicleta como alegaram as duas únicas testemunhas oculares, no caso, Ney Moreira e a advogada Edna Maria.

Fonte: Domingos Costa

CEMAR ALERTA PARA OS CUIDADOS COM ENERGIA ELÉTRICA DURANTES AS FORTES CHUVAS

As fortes chuvas, que se intensificaram no estado do Maranhão no começo desse ano, fazem acender o sinal amarelo no que diz respeito à segurança com energia elétrica. Esse período do ano é caracterizado pelas ventanias e a grande incidência de raios e trovões, além dos acidentes de trânsito provocados pelas pistas molhadas, e também as quedas de árvores e outros objetos que aumentam o risco de acidentes com a rede elétrica.

Nesse período chuvoso, a Cemar elencou algumas medidas de segurança para evitar acidentes com choques elétricos, curtos-circuitos e quebra de postes. Esses acidentes na maioria das vezes são fatais.

Durante a incidência de raios, a Cemar recomenda ficar sempre longe de árvores e postes de energia. Os veículos são abrigos adequados, já que os pneus de borracha proporcionam um bom nível de isolamento em caso de raios que atinjam o solo. Outra dica importante é evitar contato com cercas elétricas, ou de arame e varais metálicos.

Segundo o Executivo de Segurança da Cemar, Francisco Ferreira, a maioria dos acidentes relacionados com eletricidade durante os fortes temporais, acontecem pelo fato das pessoas desconhecerem os riscos que a eletricidade representa, como por exemplo usar o celular enquanto está carregando. “Durante as chuvas deve-se evitar a manutenção em telhados devido ao risco de ser atingido por raios. Também não se deve fazer manutenção em equipamentos elétricos ligados à tomada devido ao risco de choque elétrico. Nunca faça uso do celular enquanto o carregador estiver ligado à tomada, pois aumenta o risco de choque elétrico. Todos os equipamentos que não estiverem sendo usados devem permanecer desligados da tomada para evitar danos elétricos, inclusive os cabos de TV à Cabo. Nunca faça nenhum reparo elétrico com o corpo molhado, pois facilita a ocorrência de choque elétrico. Mantenha suas instalações elétricas sempre revisadas e dentro dos padrões técnicos”, pontua Francisco.

Durante o período de chuva, também cresce o número de acidentes de trânsito com quebra de postes, devido as pistas molhadas e por dirigir em alta velocidade. Esse acidentes afetam tanto os condutores de veículos como os seus familiares, além de prejudicar toda a população, já que os acidentes podem interromper o fornecimento de energia elétrica para aquela região. A Cemar aconselha as pessoas a não se aproximarem de fios e cabos partidos ou caídos, e que não toquem em pessoas ou objetos que estejam em contato coma rede elétrica. O ideal é isolar o local e ligar imediatamente para Central de atendimento da Cemar pelo número 116, e para o Corpo de Bombeiros no 192.

Preserve sua vida e de seus familiares, os cuidados com eletricidade devem ser redobrados no período chuvoso, seja em casa na rua. Chuva e energia elétrica não combinam!

CNN É ANUNCIADA NO BRASIL E VAI CONTRATAR 400 JORNALISTAS

O empresário Rubens Menin, fundador e presidente do conselho da construtora MRV, vai trazer para o Brasil a operação do canal de notícias CNN.

A empresa, de capital brasileiro, terá Douglas Tavolaro, ex-Rede Record, como presidente. O grupo nacional, que terá o licenciamento da marca americana no País, terá um canal de notícias 24 horas a ser transmitido por meio de TV por assinatura e por plataformas digitais.

O objetivo da companhia é que o novo projeto esteja em operação no início do segundo semestre de 2019. O trabalho de preparação do canal e do site começa imediatamente, com previsão de contratação de 400 jornalistas.

Fonte: Domingos Costa

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA CEMAR SOBRE PROBLEMA COM FORNECIMENTO DE ENERGIA EM CAXIAS

A Cemar esclarece que tomou ciência da Recomendação do Ministério Público de Caxias em questão, na tarde desta quarta-feira (16) e, já providenciou a instalação de medições nos transformadores que atendem à localidade do Residencial Eugenio Coutinho, em Caxias, para verificar os níveis de tensão relacionados ao fornecimento de energia.
A Companhia esclarece ainda que em outras oportunidades já haviam sido realizadas outras visitas técnicas de inspeção no Residencial, onde os níveis de tensão encontravam-se dentro dos limites regulatórios permitidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).
*Assessoria de Imprensa Cemar*

“FURA PORCA” É PRESO PELA POLÍCIA DE CODÓ ACUSADO DE PARTICIPAÇÃO NA MORTE DO COMERCIANTE BEBÉ

As polícias civil e militar de Codó prenderam na manhã desta quinta-feira (17/01/2019), em operação conjunta, um sujeito identificado por:  Antônio Filho, vulgo “Fura Porca”, ele é o 4° suspeito de participação na Morte do comerciante Raimundo Nonato Gomes de Almeida – mais conhecido por  BEBÉ – que foi vítima de um latrocínio na madrugada de sábado (12/01/2019) no seu estabelecimento comercial na rua Rio Grande do Norte. O acusado está preso na quarta delegacia Regional de Codó à disposição da justiça.

De acordo com o delegado Rômulo Vasconcelos, Antônio Filho (o Fura Porca)  tem três homicídios na cidade de Codó. “Ele já tem 3 homicídios aqui na cidade de Codó  e já representamos por sua prisão preventiva; ele vai responder por estes crimes, e esse é mais  um crime pelo qual vai responder”, completou o delegado.