MINISTÉRIO PÚBLICO APURA EM COROATÁ SUSPEITA DE FUNCIONÁRIOS FANTASMAS NA PREFEITURA

A 1ª Promotoria de Justiça de Coroatá abriu inquérito civil, no final de janeiro último, para apurar suspeita de funcionários fantasmas na prefeitura do município.

O procedimento foi aberto a partir de uma denúncia feita pelo vereador Zé Branco (PSDC), em julho do ano passado. A conversão da notícia de fato em inquérito civil foi feita pelo promotor de Justiça Luís Samarone Batalha Carvalho, que cuida do caso.

Dentre as diligências investigatórias já adotadas, Samarone Carvalho determinou a expedição de ofício à Prefeitura de Coroatá para que informe sobre como é levantada pela administração municipal a produtividade das pessoas alvo do inquérito, que estariam contratadas pela gestão sem a devida prestação de serviço.

O prefeito eleito do município é o petista Luis da Amovelar Filho, mas o de fato é o pai dele, o ex-prefeito e ficha-suja Luis da Amovelar, segundo já admitiu o próprio genitor.

Como mostrou o site ATUAL7 nessa segunda-feira 18, neste sentido, um outro inquérito aberto pela 1ª Promotoria de Justiça de Coroatá apura se Amovelar Filho tem se ausentado do município com frequência, o que pode caracterizar, em tese, improbidade administrativa.

Fonte: Atual7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *