O TEMOR QUE LUIS FERNANDO DESPERTA NA OPOSIÇÃO

untitled

Luis Fernando

A oposição que gravita em torno do chefão comunista Flávio Dino jamais imaginou que o secretário Luis Fernando Silva (PMDB) pudesse entrar o ano eleitoral de 2014 como candidato consolidado ao Governo do Estado.

O peemedebista tem hoje mais de 20% de média de intenções de voto no estado, e já a ameaça a liderança de Dino até nos dois principais redutos oposicionistas – São Luís e Imperatriz.

Isso tem levado ao desespero os satélites que gravitam em torno do chefão e sua claque na imprensa, que vêem agora uma eleição que julgavam ganha correr riscos iminentes à medida que se aproxima o pleito.

Por isso a ordem é desqualificar Luis Fernando.

Se não podem fazê-lo baseado no seu perfil – já que o histórico de ex-prefeito com excelente aprovação, gestor público correto e honesto, sem manchas no currículo os impede – o fazem tentando minimizar sua candidatura.

Tudo por que Flávio Dino se arrepia diante da possibilidade de enfrentar o peemedebista olho no olho, cara a cara, durante a campanha que se avizinha.

Flávio Dino torceu até o último momento para que o candidato da governadora Roseana Sarney (PMDB) fosse outro. Seria mais fácil o debate, já que o comunista poderia se apresentar como o novo, a mudança, diante de um candidato tradicional, já conhecido pela forte ligação com o que a oposição chama de Oligarquia.

Mas Dino deu com os burros n’água.

E terá que enfrentar um candidato mais preparado que ele, mais competente que ele, mais honesto que ele e , principalmente, já testado como gestor público e aprovado pela população, coisa que ele nunca foi.

 

Além disso, Luis Fernando traz consigo a mesma marca da mudança, da renovação, mas com o acréscimo da experiência testada e aprovada.

E é isso que causa o terror no chefe comunista e sua claque, que vêem a diferença entre um e outro cair drasticamente à medida que a população vai se dando conta de quem é quem.

Não há mais como diminuir a candidatura de Luis Fernando; não há mais como impedi-lo de ser candidato.

Flávio Dino terá que enfrentá-lo no debate eleitoral, trema ou não diante desta possibilidade.

E criar factóides para tentar tirar Luis Fernando do páreo só mostrará o tamanho do terror oposicionista.

Por Marco Aurélio D,eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *