BOM JARDIM SEM SORTE: O DESASTRE DE MALRINETE GRALHADA, PODERÁ FAZER A OSTENTAÇÃO VOLTAR

Malrinete

Malrinete Gralhada, prefeita de Bom Jardim

Fracassou o discurso da prefeita provisória Malrinete Gralhada (PMDB) de “fazer a melhor administração da história de Bom Jardim”.

Os escândalos frequentes destacados na imprensa local e nacional são amostras claras do desastre administrativo implantado pela atual gestão.

Basta andar por qualquer rua da cidade para testemunhar que o município é o retrato do abandono.

A folha de pagamento dos funcionários públicos municipais está em atraso, a prefeita não faz questão de dialogar com o poder legislativo. A prefeita também acabou com as tradicionais festas culturais, a exemplo do aniversário da cidade e o arraial junino.

Educação

O setor educacional é um dos mais afetados com o descaso da vice que se tornou prefeita: Professores reclamam dos salários e das condições de trabalho, alunos da merenda e os pais querem uma escola melhor para o aprendizado dos seus filhos.

Desde que Gralhada assumiu a prefeitura R$26.334.401,52 (vinte e seis milhões, trezentos e trinta e quatro e quatrocentos e um reais e cinquenta e dois centavos) chegou nos cofres do executivo municipal referente a recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb.

E quem diria…Diante da situação administrativa catastrófica, começou a campanha: “volta Prefeita Lidiane”…

Fonte: Domingos Costa

 

FLÁVIO DINO E SEU GOVERNO REGULAR

dino-2-e1456516164657

Flávio Dino

A discussão no fim de semana em São Luís foi uma só: a manutenção da curva de crescimento da desaprovação do governo Flávio Dino (PCdoB) na capital, apontada pelo instituto Escutec.

Como mostrou o Blog do Gilberto Léda no sábado (2), os eleitores que dizem desaprovar o comunista já são 45,6% eram 44,7% em abril deste ano e 36,6% em maio do ano passado.

Aliados e assessores do governador, no entanto, têm outra tese. Eles chegaram mesmo a desenvolver uma nova forma de analisar os dados.

Segundo os comunistas, 70% da população aprova o governo.

“Mas como?”, pode-se perguntar o mais intrigado leitor.

Explica-se: na conta dos comunas ignora-se o gráfico de aprovação/desaprovação e analisa-se apenas os dados do gráfico que vai de ótimo a péssimo.

regular

Regular

Nesse cenário, 4,4% dos entrevistados dizem que a gestão é ótima; 21,6% a consideram boa e 44,6% regular.

Soma-se tudo e, bingo!, tem-se 70,6% de “aprovação” – mesmo que dois terços disso tudo tenham sido alcançados com eleitores que consideram o governo apenas “regular”.

Regular, na escola, por exemplo, seria uma nota entre 5 e 6… Na maioria delas, qualquer aluno ficaria reprovado com uma média assim.

Mas no governo Flávio Dino, não.

No governo Flávio Dino, regular garante aprovação por méritos.

É muito pouco para quem se propôs A mudança…

Fonte: Gilberto Léda

 

DETENTO FOGE DE PRESÍDIO NA CIDADE DE PEDREIRAS

c7ba85ee-c8fd-4b13-8c19-cb139bc2eaa1

Foragido

O detento Carlos Henrique de Sales Ferreiras, vulgo “São Luís”, fugiu da Unidade Prisional de Ressocialização (Presídio) de Pedreiras por volta das 11h15 desta segunda-feira (4). A direção da UPR ainda não se pronunciou sobre a ocorrência ou forneceu detalhes da fuga para a imprensa. Segundo informações extraoficiais, ele brigou com outro preso, foi separado dos demais e aproveitou para fugir. A Polícia Civil divulgou fotos do fugitivo para ajudar em sua recaptura. Segundo as informações, Carlos Henrique cumpria sentença no regime fechado, acusado de homicídio.

Fonte: Blog do Carlinhos

ASSEMBLEIA DIVULGA SALÁRIOS DOS DEPUTADOS ESTADUAIS

assembleia-legislativa-MA-768x510

Assembléia

A Assembleia Legislativa do Maranhão divulgou, no início da tarde desta segunda-feira (04), a lista dos salários  dos deputados estaduais.

A medida obedece a decisão do juiz Douglas de Melo Martins, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos, que obrigou a mesa diretora da Casa a fornecer em juízo, em um prazo de cinco dias, a relação de todos os deputados e servidores (efetivos, comissionados,contratados e requisitados), com indicação do cargo, incluindo remuneração do mês de maio (inclusive verba de gabinete e eventuais vantagens), e lotação.

O despacho foi feito no dia 1º de junho motivada por uma ação do Ministério Público do Maranhão, que recebeu denúncias de existência de funcionários fantasmas no órgão.

Os valores recebidos pelos parlamentares variam entre R$ 25.322,25 mil a R$ 33.576,45 mil.

Confira a lista abaixo:

Al-MA

Valores

Fonte: Neto Ferreira