PM NAS RUAS, SOCIEDADE PROTEGIDA: POLICIAIS DO 17° BPM DE CODÓ APREENDEM DOIS MENORES COM UMA ARMA DE FOGO

Na noite desta Segunda feira, 30/10 uma equipe do Esquadrão Águia do 17° BPM, ao realizar rondas no bairro São Francisco avistou dois indivíduos em atitude suspeita conduzindo uma motocicleta, onde foi dado ordem de parada e realizado uma revista pessoal nos indivíduos. Foi encontrado com o garupa, J. K. R. dos S., menor de idade, uma arma artesanal tipo “garruncha”. Os dois abordados declararam-se menores de idade e de imediato receberam voz de prisão e foram apresentados no Plantão Central de Polícia Civil de Codó, juntamente com a arma e a Motocicleta utilizada.

Chamou atenção dos Policiais Militares as características da motocicleta. Em alguns roubos praticados na semana passada, as vítimas relataram aos atendentes do COPOM que os autores utilizavam uma moto alta de cor azul, semelhante à moto apreendida com os dois menores abordados. Essa foi a 9ª arma de fogo apreendida nos últimos 08 dias pela Polícia Militar. As abordagens nos bairros de Codó irão continuar, de acordo com determinação do Cmt do 17° BPM.

Material apreendido:

– 01 arma artesanal – tipo “garruncha”
– 01 motocicleta yamaha, azul placa NNE-9936;

ASSECOM/17°BPM

 

Um comentário em: “PM NAS RUAS, SOCIEDADE PROTEGIDA: POLICIAIS DO 17° BPM DE CODÓ APREENDEM DOIS MENORES COM UMA ARMA DE FOGO

  1. Já falei, ou constrói uma casa de detenção/internação para esses moleques ou a polícia vai continuar nessa operação “enxuga gelo”. Ou seja, prende-os pela manhã e os soltam a tarde e, a sociedade vai sempre ficar nesse sentimento de insegurança. Estar na hora do prefeito exigir ao governo do estado uma unidade dessas. Não resolve por completo o problema mais ameniza muito o problema. A resolução virá só com a alteração da leis(código penal) mas isso é um processo mais complexo e demorado tendo em vista que depende de um congresso que está mais preocupado com a permanência de um presidente tirano do que a situação de total insegurança que vive o povo brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *