A VALVULA DE ESCAPE DA FAMÍLIA FIGUEIREDO

550686_277882822331200_1368855999_n

Biné e Correligionários

 

As coisas pra família Figueiredo parecem não andar muito bem. Pelos menos é o que temos observado nos últimos dias. A cada momento surge uma nova polêmica na justiça em relação ao ex- prefeito Biné Figueiredo. O homem já foi condenado por diversos crimes eleitorais e ainda continua dizendo nos quatro cantos da cidade que será, um dia, prefeito de Codó novamente. Esse acontecimento somente a justiça poderá dizer.

ENROLADO COM A JUSTIÇA.

Com essa mudança política de Codó, por meio da justiça e que envolve o ex-prefeito Biné, estaria difícil tirar um nome de lá para prosseguir com a história política da família, até porque se formos analisar, simpático por lá mesmo somente o ex-prefeito. É meu pai pra li, meu pai pra acolá, me ajuda meu pai,e nessa lábia muita gente ainda acredita. Mas outros andam de orelha em pé, pois o tempo de levar o povo no banho maria já passou.

É O DEPUTADO CAMILO?

camilo-figueiredo

Dep. Camilo

O deputado Camilo Figueiredo é um dos homens mais desaparecidos dos últimos tempos. Para ver este homem em Codó é preciso usar uma lupa. Para tentar encontrá-lo em algum lugar da cidade é preciso rezar. Dizem as más línguas que Camilo jamais seria um nome ideal para substituir o pai no executivo. Essa tese teria inúmeros fundamentos. Vamos citar apenas um deles. O quesito simpatia, por exemplo, anda bem distante do nobre deputado.

QUEM SERIA A VÁLVULA DE ESCAPE?

100_2661-300x224

Vereador Rodrigo com duas eleitoras

A família Figueiredo estaria depositando toda a confiança no jovem vereador Rodrigo Figueiredo, mesmo depois da pouca votação que teve nas ultimas eleições. O nome do parlamentar foi trabalhado para obter, no mínimo, cinco mil votos, mas não chegou aos dois mil. Pelo visto ainda falta muita coisa pra mudar os rumos políticos pra aquelas bandas.

4 comentários em: “A VALVULA DE ESCAPE DA FAMÍLIA FIGUEIREDO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *