ADOLESCENTE É FERIDO À BALA APÓS TENTAR ASSALTAR UMA VENDEDORA DE CARTELA EM PEDREIRAS

O adolescente identificado pelas iniciais P.H.,  morador da Baixada de Trizidela do Vale, levou a pior durante tentativa de assalto na cidade de Pedreiras (MA), no final da tarde desta quarta-feira (12).

De acordo com informações paralelas que chegaram ao blog do companheiro Carlinhos, o adolescente com ajuda de um comparsa, também menor de idade, armaram para assaltar uma mulher que vende cartelas do jogo conhecido como “2 para 500”, (o apostador paga 2 reais e concorre ao prêmio de 500 reais no final do dia), na região do mercado de Pedreiras.

A dupla seguiu a vendedora e anunciou o assalto em uma rua do Bairro do Diogo. Eles tiveram o azar da viatura da policia militar surgir no momento do assalto. Ainda de acordo com informações de nossos leitores, P.H. tentou fazer a vendedora de refém, mas foi impedido com um disparo de arma de fogo efetuado por um polícia militar. A bala atingiu o pé do infrator.

Ele caiu e foi imobilizado pelos PMs. O comparsa empreendeu fuga e desapareceu por uma rua do Diogo. P.H. ficou cercado por curiosos e pela polícia até a chegada de uma ambulância.

P.H. mora na Baixada, região da cidade de Trizidela do Vale e tem vários registros de apreensões por infrações análogas a roubos. A polícia está atrás do comparsa. Há informações de que existem mandados de apreensões para os dois adolescentes, por conta de vários roubos que estariam comentando em Pedreiras e Trizidela do Vale.

Levou a pior de novo

Não é a primeira vez que o adolescente P. H. se dá mal em um assalto. Em 24 de março deste ano, ele e um comparsa tomaram uma motocicleta na cidade de Bernardo do Mearim. Logo após o crime a dupla foi perseguida por moradores daquela cidade. Nas proximidades da Curva dos 14, na MA-119,  a dupla foi derrubada da moto por uma tijolada efetuada por cidadãos que estava em perseguição deles. Eles ficaram feridos na queda, mas não foram linchados. O corpo de bombeiros socorreu os infratores, depois de receber atendimento médico, foram apresentados na DP de Pedreiras para os devidos procedimentos.

Fonte: Carlinhos Filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *