ALÔ DEPUTADO GLAUBERT CUTRIM: VOSSA EXCELÊNCIA AINDA SABE ONDE FICA CODÓ?

dsc00758

Glaubert Cutrim, deputado estadual

Que me desculpe meu amigo Zito Rolim, mas o deputado Glalbert Cutrim, que foi apoiado por vossa excelência, está deixando a desejar aos codoenses. Esse nobre deputado parece que esqueceu que teve mais de 10 mil votos na cidade de Codó. Este município foi um dos municípios maranhenses que mais valorizou o deputado Glalbert Cutrim. Foi em Codó que ele disse que tinha até coragem de mudar com “malas e cuias”, quando ele bradava alto e em bom tom nos comícios, que já tinha passado a amar o município de Codó. Desculpa-me caro deputado, vossa excelência brincou com os codoenses ao dizer tudo aquilo. Quando alguém ama uma cidade, não se comporta dessa forma, não fica ausente dela, manda algo de bom para este município etc. Quero dizer nesta postagem que estou falando o que muitos dos codoenses não têm coragem de falar, porém coragem eu tenho de sobra para falar a respeito do deputado Glalbert Cutrim aqui neste Blog. Até porque fui um dos eleitores a votar em Glalbert a pedido de meu amigo Zito Rolim, mas se arrependimento matasse…

VEM E VOLTA POR CIMA DA MESMA PISADA

Até entendo que o nobre deputado tem outros compromissos, pois ele é deputado de 217 municípios do Maranhão. Mas esse nobre parlamentar até já veio algumas vezes em Codó, porem foi uma visita de médico. Ele vem e volta minutos depois. No dia do aniversário de Codó foi uma dessas visitas. O jovem deputado veio rapidinho e voltou sem muita conversa com ninguém.  O deputado Glalbert Cutrim até já teria beneficiado o município de Codó com recursos, oriundos de emenda parlamentar, que serão utilizados pela Prefeitura para construção do Mercado das Merendeiras e de uma ponte de concreto ligando a Travessa Manuel Januário às Ruas Renato Archer, Bahia e Assis Nogueira.  Bom, vamos aguardar esses recursos, e se caso já tenha chegado, terei o prazer de divulgar.

 

7 comentários em: “ALÔ DEPUTADO GLAUBERT CUTRIM: VOSSA EXCELÊNCIA AINDA SABE ONDE FICA CODÓ?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *