BACABAL FOLIA É MOTIVO DE ATRITO ENTRE PRODUTOR DA MICARETA,DEPUTADOS E O COMANDO DA PM

bacabal_folia

Foto Ilustrativa

O promotor de micareta José Clécio é o protagonista de um grande imbróglio que envolve também o tenente-coronel Egídio Augusto, comandante do 15ºBatalhão PM, a promotora de Justiça Klícia Meneses, o deputado estadual Roberto Costa e o deputado federal Alberto Filho.

Clécio é o secretário de Cultura de Bacabal e promotor da micareta ‘Bacabal Folia’. Faltou pouco para o evento ser embargado no final de semana que passou. O Blog acompanhou os bastidores do evento e a intenção da promotora Klícia Menezes de que fossem observados os detalhes relativos à segurança de trabalhadores e dos foliões.

Passada a festa, com o fraco público presente, o secretário Clécio deu vazão às lamentações. Creditou a fiscalização a uma “perseguição” da parte do comando da PM e do Ministério Público. Para o tenente-coronel Egídio, o micareteiro Clécio priorizou o lucro e deixou a segurança de lado.

PROCURANDO ABAFAR O CASO.

Na manhã desta quinta-feira (25) José Clécio amanheceu procurando Roberto Costa e o senador João Alberto de Sousa. Quer a intervenção dos dois para que a imagem do evento não fique mais chamuscada do que já está.

Clécio conta com o trunfo de ser um dos secretários do administração de Bacabal que é conduzido a quatro mãos pelo prefeito Zé Alberto e pelo seu filho o deputado Alberto Filho. É tudo o mesmo grupo. Além disso, tanto Alberto Filho como Roberto Costa deram todo o apoio para a realização do Bacabal Folia. Os dois chegaram a convidar amigos e autoridades para prestigiarem o evento em seus camarotes e não tinham o menor interesse em que o ‘Bacabal Folia’ não fosse realizado.

Agora a fatura está sendo cobrada da parte de Clécio. Poucos imaginam que a celeuma vá longe depois que houver a intervenção de Roberto Costa e Alberto Filho junto ao tenente-coronel Egídio Augusto para que a história seja dada como um simples ‘mau entendido’.

Fonte Blog do Louremar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *