BRIGA POLÍTICA DO PREFEITO DE CODÓ COM VEREADORES É UMA QUEDA DE BRAÇO SEM VENCEDORES

A queda de braço entre o prefeito Francisco Nagib e os vereadores Domingos Reis, Maria Paz, Júnior Oliveira e Leonel Filho, em qualquer hipótese – de união ou de retaliação – não terá vencedores.

Já corre de boca em boca e nas redes sociais a notícia de uma cobrança exorbitante por parte desses vereadores para voltar ao ninho dos Oliveira. Fragilizado por uma opinião pública que o rejeita e sem grupo político em Codó, o prefeito Francisco não está tendo capacidade política para ter os quatro vereadores novamente ao seu lado, o que poderá deixa-lo fragilíssimo, também, com o Legislativo Municipal.

Caso os vereadores venham a ganhar essa queda de braço, serão vistos pelo povo codoense como venais, mercenários ou no mínimo como pessoas com muito dinheiro, o que fará aumentar as demandas políticas agora e ainda mais próximo das eleições.

Compreende-se que apoiar um governo adversário do povo, que promove maldades sem limites – como as exonerações – é muito complicado. Mas mais complicado ainda será fazer tamanho estardalhaço e voltar “pelo beiço”, amarrados em cordas de notas de reais.

Se já era difícil para os vereadores explicar o apoio a um governo cheio de maldades, mais difícil será explicar um retorno motivado pelos atendimentos financeiros. A escolha futura do povo dirá se houve erros ou acertos.

3 comentários em: “BRIGA POLÍTICA DO PREFEITO DE CODÓ COM VEREADORES É UMA QUEDA DE BRAÇO SEM VENCEDORES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *