ATUALIZANDO: NESTA SEXTA-FEIRA (09), MORRERAM 49 PESSOAS DE COVID-19 NO MARANHÃO

Nesta sexta-feira (09), o boletim da Secretaria de Saúde do Maranhão contabilizou 49 óbitos e esse número foi recorde, o maior já registrado desde o início da pandemia. Anteriormente, o maior número registrado em 24 horas era de 48 óbitos e foi registrado na última quarta-feira (07).

Além disso, o Maranhão alcançou a marca de 6.465 mortes pela Covid-19 e, nesse ritmo, deve alcançar 7 mil óbitos ainda no mês de abril.

No entanto, é preciso destacar que a maioria dessas mortes foram ocorridas em dias atrás e até mesmo no mês de março, já que os óbitos no Maranhão tem levado, em média, 30 dias para serem notificados oficialmente.

O curioso é quando o Brasil bate recorde de mortes em 24 horas, inúmeros políticos maranhenses, inclusive e principalmente o governador Flávio Dino, registram e lamentam o episódio, mas quando o recorde é no Maranhão, adotam um silêncio sepuclral.

Fonte: Jorge Aragão

APÓS PRESSÃO, FLÁVIO DINO REDUZ ICMS DE BARES E RESTAURANTES

O Governo do Maranhão, por meio da Medida Provisória nº 345/2021, instituiu, excepcionalmente, nova redução da carga tributária do ICMS para o setor de bares, restaurantes, estabelecimentos similares e empresas preparadoras de refeições coletivas, que agora pagarão apenas 2% de imposto no fornecimento de refeições e alimentação (saiba mais).

A medida chega após forte pressão de empresários, sobretudo diante do anúncio de auxílio de apenas R$ 1 mil para donos de bares e restaurantes que ficaram fechados quase duas semanas no mês passado como medida de prevenção à expansão da Cvovid-19 (saiba mais aqui e aqui).

Também em março, e ainda como consequência dessa reação, ele já havia decidido conceder maior prazo para que empresas instaladas no Maranhão paguem ICMS devido ao Estado (reveja).

Fonte: Gilberto Léda

PARTIDO SOLIDARIEDADE LANÇARÁ CANDIDATURA DE SIMPLÍCIO ARAÚJO AO GOVERNO DO MARANHÃO

A executiva nacional do Solidariedade já tinha fechado em 2019 que a candidatura de Simplicio Araújo é prioritária para o partido.

Agora em reunião realizada nesta quinta-feira em São Luís e consulta realizada a todos os deputados estaduais do Solidariedade do Maranhão resolveram que o partido terá o nome do Secretário de Estado e Deputado Federal licenciado Simplicio Araujo como pré candidato ao governo do estado em 2022.

O partido avaliou que Simplicio tem um dos melhores desempenhos enquanto secretário do governador Flavio Dino, tendo se destacado pela capacidade de união e trabalho para o desenvolvimento do Maranhão, crescimento do setor privado e foi de suma importância para o combate ao coronavírus em nosso estado.

Simplício Araújo disse em resposta que não tratará o assunto da pré candidatura como prioridade, uma vez que continuará ajudando de todas as formas possíveis o governador Flavio Dino a neste momento crítico mundial em virtude da pandemia.

Os membros do Solidariedade vão levar a decisão a todos os filiados e aliados por todo o Maranhão a partir dos próximos dias.

A decisão do Solidariedade tem apoio unânime da executiva nacional, executiva estadual e Deputados estaduais Rildo Amaral, Fábio Braga e Helena Duailibe que iniciarão movimento em torno do nome de Simplicio Araújo mantendo diálogo aberto com todos os partidos da base do governo Flavio Dino e também com outras correntes políticas.

Fonte: Gilberto Léda

STF PROÍBE MISSAS E CULTOS PRESENCIAIS DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta quinta-feira (8) maioria de votos contra a liberação — no momento mais crítico da pandemia de Covid-19 — de celebrações religiosas presenciais, como cultos e missas, em templos e igrejas.

Até a última atualização desta reportagem, 7 dos 11 ministros já tinham manifestado o entendimento de que estados e municípios têm autonomia para estabelecer medidas restritivas a atividades religiosas presenciais em razão da pandemia de coronavírus — somente Nunes Marques e Dias Toffoli divergiram dessa tese. A sessão não tinha terminado até a última atualização desta reportagem.

O julgamento foi marcado para esta semana pelo presidente do STF, Luiz Fux, após decisões conflitantes sobre o mesmo tema dos ministros Nunes Marques e Gilmar Mendes.

No sábado (3), ao julgar pedido da Associação Nacional dos Juristas Evangélicos (Anajure), o ministro Nunes Marques aceitou o argumento da liberdade religiosa e proibiu que celebrações em templos e igrejas fossem vetadas por estados, municípios e Distrito Federal em razão da pandemia.

Na segunda (5), o ministro Gilmar Mendes tomou decisão divergente. Ele rejeitou ação do partido PSD — que pedia a derrubada do decreto estadual que proibiu cultos e missas em São Paulo devido à pandemia — e enviou o caso ao plenário do STF.

G1 GLOBO

EM PRESIDENTE DUTRA, IRMÃO DO PREFEITO QUER SER “UM DEUS” E CRIA PROBLEMAS COM TODOS

Parece que a cidade de Presidente Dutra é mesmo uma cidade sem sorte com seus políticos. Dos últimos 16 anos para cá, o povo tem comido o “PÃO QUE O DIABO AMASSOU” nas gestões que vivem do faz de contas, e o povo mesmo é quem acaba se “LASCANDO” com tanta falta de compromisso. Na gestão do atual prefeito Raimundinho da Audiolar, pelo visto, existem vários coronéis, mas um deles se sobressai diante de todos os outros. Ele tem nome e sobrenome: Natal Carvalho, e já está ganhando o título de figura mais importuna do governo “PRA FRENTE PRESIDENTE DUTRA”. E diga-se passagem, é uma pessoa que não tem cargo algum na prefeitura, mas quer mandar em tudo e em todos, e acaba mesmo é atrapalhando seu irmão Raimundinho, que às vezes até tem boa vontade em fazer algo por Presidente Dutra, mas alguns apoiadores o levam para o buraco, que a cada dia parece que está ficando mais profundo.

ARRUMANDO CONFUSÃO COM TODOS.

“Natal” é daqueles que é mais por fora do que “BUNDA DE ÍNDIO” quando o assunto é política, mas quer se meter em tudo e saber de tudo. Tudo ele resolve e no final das contas não resolve nada e ainda coloca catinga no governo do irmão com seus aliados que estão o ajudando há anos. Recentemente, o desagregador arrumou uma confusão sem necessidade com um vereador aliado do prefeito. Sem respeito algum ao parlamentar e demonstrando que não tem ética, ele disse palavrões ao vereador, que são impublicáveis aqui no blog, Os motivos? Simplesmente porque o parlamentar não concorda com suas constantes asneiras. E não para por ai, Natal não respeita ninguém no governo do irmão. Já esbravejou sua ira com secretários, advogados e com quem quer que ouse em apenas discordar dele.

VEIO DE BRASÍLIA

Pelo que esteve se informando o BLOG DO DE SÁ, o irmão de Raimundinho da Audiolar é servidor do Ministério do Trabalho e teria chegado a Presidente Dutra em meados da eleição, justamente para ajudar voluntariamente o então irmão candidato. Até aí tudo bem, mas após a vitória nas urnas, teria Natal continuado com seu trabalho voluntário tendo o irmão prefeito? Continuaria ele dando uma de bom samaritano e trabalhando de graça para a prefeitura?

A ESPOSA NA CONTROLADORIA

Mas o irmão de Raimundinho não é tão voluntário assim a ponto de trabalhar sem ganhar nada. Para a rica prefeitura de Presidente Dutra nada é problema. Sua esposa, a senhora Izabela Doval, esta da fotografia ao lado, é a controladora do governo de Raimundinho da Audiolar. Entenderam meus caros leitores?  Ou seja, está tudo em casa, tá tudo bacana, tudo em família. De fato, o BLOG DO DE SÁ esteve pesquisando e não encontrou o nome dele na folha de pagamento, mas sendo voluntário, Natal está simplesmente “LASCANDO” com seu irmão na prefeitura de Presidente Dutra.

PARA FINALIZAR.

O prefeito Raimundinho precisa urgentemente deixar seu irmão bem distante dele, se possível de Brasília para frente. Fazer com que seu irmão Natal deixe de ser esse “voluntariado maluco” na prefeitura de Presidente Dutra. Se como voluntário ele está nessa moral toda, imagine se ele ganhasse alguma moeda dos cofres da vaca das tetas gordas, que é a prefeitura da cidade. Na política se trabalha agregando as pessoas. Afinal, a prefeitura não tem dono. Caso o atual prefeito de Presidente Dutra não tome uma providência URGENTEMENTE, Natal será o responsável pela saída de muitos aliados de Raimundinho que estão na estrada com ele há anos, e com isso colocará em situação difícil a vida pública do senhor Raimundinho da Audiolar, que precisa de pessoas experientes ao seu lado para ajudar a governar a cidade.

Mas parece que muitos que fazem parte do governo de Raimundinho gostam de fazer: intimidar as pessoas. Eles intimidam fulano ou sicrano com possíveis ações na justiça, como se isso nos impedisse de relatar os reclames da população. Certamente essas intimidações não funcionam ao titular deste blog.  O BLOG DO DE SÁ coloca-se a disposição dos  citados aqui na matéria caso queiram se manifestar sobre esta postagem.

 

PM DE LUTO: MILITAR QUE PRESTOU SERVIÇOS EM CODÓ, MORRE DE COVID-19

Na manhã  desta quinta-feira, os policiais militares do 17°BPM em Codó, foram surpreendidos com a notícia do falecimento do Sub Tenente Arnaldo, que havia contaminado pelo Novo CORONAVÍRUS, atualmente Arnaldo estava reformado (aposentado).
Durante sua carreira policial, atuou em várias cidades,  entre elas Codó,  onde passou seus últimos anos na ativa.
Subtenente Arnaldo era muito querido pela tropa. Policial honrado e dedicado.
A família policial militar está  de Luto, o policial lutou nos rumos dez dias contra o vírus mais letal da história.

FALTA D’ÁGUA PREOCUPA MORADORES DA AV. AUGUSTO TEIXEIRA, EM CODÓ

Já  faz duas semanas que os comerciantes da Avenida Augusto Teixeira estão  sendo prejudicados com a quebra do fornecimento diário da água. Muitos dependem do líquido para realizar seus serviços, que vão  desde a limpeza das mãos  como também a limpeza dos estabelecimentos.

De acordo com o que foi colhido por alguns comerciantes, inclusive trabalhadores de uma borracharia que existe na avenida, a falta d’ água vem sendo a rotina daqueles empreendedores.

Sem água  nas torneiras, o serviço fica inviável inclusive de manter os pontos comerciais abertos. Imagine você  não  ter água nas torneiras, nas descargas dos sanitários, enfim, é  um caos”, relata a funcionária de um posto de combustíveis.