CHAMEM A POLÍCIA: PREFEITO DE CAPINZAL DO NORTE ESTÁ SENDO AMEAÇADO POR AGIOTAS

Roberval-Campelo

Roberval Campelo, prefeito de Capinzal do Norte

O Blog do de Sá tomou conhecimento que o prefeito de Capinzal do Norte está comendo o ‘pão que o diabo amassou’ nas mãos de agiotas da região. Um deles, que tem R$ 200 mil reais para receber nas mãos do prefeito, já teria o ameaçado de morte caso ele não pague o dinheiro. O prefeito Roberval Campelo estaria com a corda no pescoço, pois não tem de onde tirar tanto dinheiro para pagar seus devedores. As denúncias que chegaram ao Blog do de Sá esta semana dão conta de que nem mesmo os servidores do município estão recebendo seus vencimentos.

TIROS NA RUA DA CASA DO PREFEITO.

Recentemente, uma pessoa efetuou alguns disparos em direção a casa do prefeito na cidade de Capinzal do Norte. Até hoje ninguém sabe quem efetuou os disparos, e moradores da cidade acreditam que tenha sido a mando de algum agiota que o prefeito está devendo. Sendo assim, a situação para o prefeito de Capinzal do Norte não é das melhores, pois ele já está no seu último ano de mandato, e até agora não conseguiu pagar nem mesmo os agiotas que lhe emprestaram dinheiro para campanha de 2012.

A tendência é piorar. Enquanto os dias da campanha se aproximam, a coisa vai ficando mais difícil, pois vai ficar complicado para o prefeito subir no palanque e prometer mais alguma coisa. Só não vou citar os nomes dos agiotas que o prefeito Roberval está devendo para não complicar os próprios agiotas. Mas caso seja necessário direi aqui no Blog quem são eles e os valores que todos têm para receber nas mãos de Roberval Campelo.

SIMPLES ASSIM.

Um comentário em: “CHAMEM A POLÍCIA: PREFEITO DE CAPINZAL DO NORTE ESTÁ SENDO AMEAÇADO POR AGIOTAS

  1. Cerveró relata ‘ordem de Lobão’ para atender Banco BVA na Petros
    “O investimento foi feito, sendo que passados alguns anos o banco faliu e a Petros perdeu o dinheiro investido”, afirmou o ex-diretor da Petrobrás, delator da Lava Jato, sobre negócio envolvendo o ex-ministro Edison Lobão (PMDB-MA), ‘entre 2009/2010’

    POR JULIA AFFONSO, FAUSTO MACEDO E RICARDO BRANDT
    O ESTADO DE S. PAULO

    O ex-diretor da área Internacional da Petrobrás, Nestor Cerveró, um dos delatores da Operação Lava Jato, afirmou que ‘entre 2009/2010’ houve uma ordem do então ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) para atender o Banco BVA na participação da Petros, fundos de pensão da Petrobrás. Segundo Cerveró, o dono do banco, José Augusto Ferreira dos Santos, é amigo de Lobão. O delator relatou que o negócio foi feito e, alguns anos depois, o banco faliu e a Petros perdeu o dinheiro investido.

    A PETROS PERDEU. E QUEM GANHOU??

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *