DEPUTADO XINGA ÍNDIOS E HOMOSSEXUAIS NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHÃO

f

Dep. Fernando Furtado

O deputado Fernando Frustado, não, Furtado demonstrou claramente que não tem equilíbrio para ocupar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Maranhão.
Ele disse que índios devem morrer e que são um bando de “viadinhos”. Não satisfeito, classificou os antropólogos de maconheiros.
Como se percebe, o parlamentar não respeita as minorias. O seu partido, o PCdoB, que é o mesmo do governador Flávio Dino, repreendeu Frustado, não, Furtado e pediu dele uma retratação. É pouco.
Se o partido fosse sério e não se achasse o dono do mundo, pediria a expulsão do parlamentar. Ele tem motivos de sobra. Afinal, o deputado responde a ações na Justiça Federal e foi investigado pelo Polícia Federal por desvio de recursos do Seguro Defeso.
A Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa tem que se pronunciar e exigir punição ao deputado. O Ministério Público dos Direitos Humanos tem que fazer igual.
Do contrário, não demora muito ele vai xingar Jesus Cristo, dizer que os padres são gays, chamar o papa de pedófilo e falar que as freiras são putas.

Fonte: Luis Cardoso e Luis Pablo

2 comentários em: “DEPUTADO XINGA ÍNDIOS E HOMOSSEXUAIS NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHÃO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *