DIRETOR DO IFMA DE CODÓ NÃO TEM DADO OUVIDO PARA RECLAMES DE ALUNOS E SERVIDORES SOBRE A PRECARIEDADE NA ESTRADA

10347080_485948311546588_8644458137153531132_n

José Cardoso, atual diretor do Ifma Codó

Sem ter para onde recorrer, estudantes e funcionários do IFMA de Codó têm de conviver com vários problemas para terem acesso ao Instituto. No período chuvoso muita lama e na estiagem muita poeira, escuridão e prejuízo para quem utiliza seu próprio meio de transporte.
Infelizmente, a triste rotina de quem deveria ter uma acessibilidade menos dificultosa não tem sequer previsão de ter fim. Sob a alegação de outras prioridades, como o reconhecimento de cursos, compra de livros e etc, tem sido as justificativas do atual diretor, professor Cardozo, que não respeita o posicionamento dos alunos diante dos problemas, chegando até fazer reuniões para criticar o posicionamento de alguns blogueiros que publicam matérias sem consultá-lo.

2015-11-03-10.49.05_resized

Situação da estrada

Além dos problemas citados, alunos que precisam frequentar as aulas no período noturno, ainda convivem com a escuridão de um percurso de apenas 1km de extensão que vai do portão até o prédio. Na última reunião com os alunos, ocorrida há quase quatro meses o diretor informou que a pavimentação será viabilizada quando houver dotação orçamentária, enquanto isso vamos torcer para que o período chuvoso não chegue antes do final do período letivo de 2015. Com a palavra o diretor Cardoso que pelo visto não tem se mexido para resolver o problema. O blog está a disposição caso o diretor queira se pronunciar,mas seria bom se nobre diretor explicasse mesmo para os alunos e servidores.

9 comentários em: “DIRETOR DO IFMA DE CODÓ NÃO TEM DADO OUVIDO PARA RECLAMES DE ALUNOS E SERVIDORES SOBRE A PRECARIEDADE NA ESTRADA

  1. Leandro de Sá, não seja irresponsável. Antes de publicar qualquer coisa procure ouvir a outra parte. Todos os alunos foram informados de como está o processo de pavimentação da estrada interna do ifma. Alguns alunos se fazem de desentendidos e em vez de procurar o diretor e procurar informações sobre o caso e tentar propor soluções procuram a imprensa nem sempre imparcial e independente.

  2. MAIS UMA VEZ PARABÉNS LEANDRO FAÇO MINHAS PALAVRAS AS SUAS SOU ESTUDANTE DA INSTITUIÇÃO E O ESTADO DA ESTRADA ESTA PRECÁRIA, JÁ PERDI AS CONTAS DE QUANTAS VEZES O PNEU DA MINHA MOTO FUROU NAQUELE TRAJETO, E O QUE O PESSOAL COMENTA É QUE A ESTRADA JÁ ESTARIA ASFALTADA SÓ NO PAPEL, QUE FOI LIBERADO O RECURSO PARA ASFALTAR A ESTRADA POR COMPLETO E NÃO SÓ ATE A ENTRADA DO INSTITUTO COMO ESTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *