EMPRESÁRIO CODOENSE É MORTO COM CINCO TIROS APÓS ACIDENTE DE TRANSITO EM CODÓ

Foi morto hoje Sábado  (19) com 5 tiros de revólver o empresário, Antonio Hérbeth da Silva Freire (49 anos). Seu Lica como era chamado chegou a ser candidato a vereador diversas vezes. No primeiro mandato  do ex-prefeito Ricardo Archer foi administrador do Distrito de Cajazeiras. Nas tentativas mais recentes apoiava o grupo do ex-prefeito, Biné Figueiredo.

De acordo com informações colhidas pelo blog no HGM, ele foi levado ao hospital pelo SAMU que o atendeu na rua ANJO GABRIEL, na Vila Camilo, às 9h59, mas é certo que quando os paramédicos chegaram o corpo já estava sem vida.

De acordo com a enfermeira de plantão, Ellen Nascimento, Lica teve morte instantânea por causa da gravidade dos ferimentos a bala que atingiram o pescoço, a barriga, o tórax, o quadril e a coxa dele.

A CAUSA

O suspeito de tê-lo assassinado deu entrada no HGM pela manhã com uma fratura exposta na perna esquerda. O nome foi preservado pelo hospital, mas o homem teria contado, inclusive na presença do delegado que esteve por lá, que saiu para comprar um DVD para a filha quando foi atropelado pela  caçamba dirigida pela vítima.

Quando Antonio Hérbeth da Silva Freire desceu para socorrê-lo, em desespero por causa da dor violenta que sentia com a perna quebrada, disparou a arma 5 vezes contra ele.

O suspeito chegou ao hospital carregado por um amigo. Ainda pela manhã passou por um cirurgia ortopédica e a polícia impediu que ele fosse transferido para outro hospital como chegou a cogitar o plantão do HGM.

Ainda de acordo com informações da enfermeira, ele passa bem e  já está na enfermaria onde é vigiado por policiais.

O corpo de seu Lica foi liberado para a família às 11h10 da manhã para ser velado. O enterro deve ocorrer na manhã deste domingo.

 Texto Acélio Trindade 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.