ENTENDA: POLÍCIA MILITAR DE COROATÁ TAMBÉM ESTÁ ESQUECIDA NO GOVERNO FLÁVIO DINO

PM-formação

Imagem meramente ilustrativa

Chegou ao Blog do de Sá, por meio de um parlamentar na cidade de Coroatá, que a Polícia Militar da cidade estaria também tendo dificuldade para trabalhar no governo Flávio Dino, assim como está acontecendo com a corporação em todo o Estado do Maranhão. Acontece que os militares do Maranhão tem comido o pão que o diabo amassou nas mãos do governador, e por conta disso até mesmo os procedimentos tem sido atingidos.

TRABALHANDO SEM CONDIÇÕES.

Na cidade de Coroatá existem apenas duas viaturas da Polícia Militar para atender as ocorrências do município. Existem aproximadamente 70 mil habitantes na cidade e duas viaturas é muito pouco. Mas se fosse somente a pequena quantidade de viatura até dava para levar “empurrando com a barriga”, mas o problema é bem maior do que se imagina. Até mesmo pneus e a gasolina estão faltado nas viaturas da cidade de Coroatá. Agora me digam uma coisa. Como os policiais vão conseguir atender uma ocorrência se as viaturas estão com pneus carecas e correm o risco de parar a qualquer momento e por falta de gasolina? Com isso o governador está achando que os policiais tem que atender as ocorrências a pé ou mesmo em seus veículos.

SE NÃO FOSSE A AJUDA DA PREFEITURA…

Mesmo sendo oposição ao governo Flávio Dino, a prefeitura de Coroatá tem ajudado ao comando da polícia na cidade. A prefeitura ajuda com 30 litros de gasolina por dia, 15 litros para cada viatura, mas quando chega lá pras tantas da noite as viaturas chegam a ficar sem combustível e muitas ocorrências estão deixando de ser atendidas. Outra ajuda da prefeitura é na alimentação dos policiais. Mas de acordo com informações de algumas cidades do Maranhão, as prefeituras só vão continuar com as ajudas até o dia 31 deste mês. Portanto, no ano que vem a Polícia Militar terá que trabalhar com recursos próprios. E será que vai ter?
Atualmente o comando em Coroatá recebe apenas dois mil reais por mês para combustível e outras despesas básicas da polícia, um valor vergonhoso, e sendo assim os comandantes tem que tirar dinheiro do bolso para não ver muitas ocorrências deixarem de ser feitas. Portanto, não se espantem se horinha dessas os senhores coroataenses olharem nossos amados policiais militares andando nas ruas a pé atendendo as ocorrências. Porque se depender do governador Flávio Dino os militares do Maranhão estão é lascados, e certamente o povo também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *