EVENTOS CONTINAUM SUSPENSOS NO MARANHÃO

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PcdoB), informou em entrevista coletiva nesta sexta-feira (30) que eventos vão continuar suspenso em razão da pandemia da Covid-19.

A manutenção da medida restritiva visa freiar o avanço da doença pelo Estado.

Dino também afirmou que a capital São Luís vai receber 10 mil doses da vacina Pfizer entre hoje e sábado (1°). O montante faz parte da proposta recusada pelo governo federal em meados de 2020, que previa início das entregas ainda em dezembro 2020, se o país tivesse aceitado a primeira proposta da farmacêutica em meados do ano passado.

“Começaram a chegar pequenas quantidades com uma diretriz federal do Ministério da Saúde, essa vacina Pfizer é aquela que deve ser conservada a temperaturas muito baixas. O governo do Maranhão comprou e tem um super freezer que chega a -80°, ou seja, garante a conservação adequada da vacina. A vacina vai ser entre exclusivamente as capitais”, disse o governador

De acordo com o governador, a vacinação prioritária dessas novas doses leva em conta grávidas com comorbidades e pessoas com Síndrome de Down. “Teremos também a chegada de outros tipos de vacina e vamos seguir o plano para as demais cidades do Maranhão”, continuou.

Esforços por mais vacina

Ainda durante a coletiva, Dino falou sobre o pedido negado da importação da vacina Sputnik V. Ele informou que, após reunião com governadores do estado do Norte e Nordeste com o fabricante russo, foi solicitado uma novo parecer técnico para a Anvisa.

“Vamos esperar nova análise da agência brasileira e aí vamos debater na próxima semana o que fazer. Autoridades da Rússia insistiram, ontem, que eles têm a vacina pronta pra entregar”, disse o governador adiantando que o poder Judiciário poderá ser novamente acionado para debater este assunto.

Medidas contra a Covid-19

Flávio Dino também anunciou a prorrogação das medidas restritivas contra a Covid-19, já vigentes no estado, por mais uma semana. O decreto será prorrogado até o dia 9 de maio.

Veja, abaixo, as medidas anunciadas que permanecem em vigor:

Estado

Eventos continuam suspensos;
Administração pública estadual: 50% da capacidade e revezamento;
Igrejas: 50% da capacidade.

Ilha de São Luís

Comércio e indústria entre 9h e 21h;
Bar e restaurante: até 22h;
Supermercados: das 6h à 0h;
Supermercados, academias e salões de beleza: 50% da capacidade;
Grupo de risco afastado no setor público e privado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *