FECHADO PARA REFORMA: HOSPITAL VICTORIANO ABDALLA EM TIMBIRAS ESTÁ PASSANDO POR UMA REFORMA A PASSOS DE TARTARUGA

HOSPITAL VICTORIANO 01

Hospital Victoriano Abdalla

Em Timbiras a situação da saúde não é uma das melhores. Os moradores da cidade já estão sem ver o funcionamento do Hospital do Município desde o início do ano. O Hospital Victoriano Abdalla é o único hospital público custeado pelo município e atualmente apenas as unidades básicas de saúde estão funcionando. O Victoriano Abdalla está passando por reforma a passos de tartaruga e os Timbirenses já não entendem mais essa tão demorada reforma que fechou por completo o hospital.

HOSPITAL DO ESTADO É QUEM ESTÁ SALVANDO OS TIMBIRENSES

Se não fosse o HGT, Hospital Geral de Timbiras, que é custeado pelo Governo do Estado do Maranhão, as coisas estariam piores na cidade. É justamente o HGT que tem ajudado, e muito, o funcionamento da saúde na cidade.
Em recente visita ao HGT, o titular do Blog do de Sá pôde perceber a preocupação dos servidores daquela unidade em atender bem os pacientes que por lá chegam. Caso o município também fizesse o mesmo talvez as coisas na área da saúde pública estariam bem melhor na cidade de Timbiras.

Um comentário em: “FECHADO PARA REFORMA: HOSPITAL VICTORIANO ABDALLA EM TIMBIRAS ESTÁ PASSANDO POR UMA REFORMA A PASSOS DE TARTARUGA

  1. Do Blog do Garrone
    Deu no D.O.
    Refeição ostentação – Em Codó o negócio tá tão bom que a refeição nos hospitais municipais tá melhor do que em muito hotel de luxo! A contar o valor total dos três contratos que a prefeitura assinou para fornecer gêneros alimentícios para o Hospital Geral Municipal (HGM) e Unidades Básicas de Saúde (UBS). São R$ 3.520.048,00 (três milhões, quinhentos e vinte mil e quarenta e oito reais) por um ano de bandeja farta! Os documentos foram assinados no dia 30 de janeiro e valem até 31 de dezembro de 2015.

    Refeição ostentação em miúdos – Ainda sobre a bandeja de luxo dos hospitais de Codó, vamos aos contratos: Com a empresa MARCOLINO S. SOUSA foi firmado um contrato de R$ 1.411.680,00 (um milhão, quatrocentos e onze mil, seiscentos e oitenta reais). Já a Casa Matos Ltda – ME abocanhou dois contratos no valor total de R$ 2.008.368,00 (dois milhões, oito mil, trezentos e sessenta e oito reais).

Deixe uma resposta para cascagrossa Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *