FLÁVIO DINO E SUAS “FALÁCIAS” ESPALHADAS PELO MARANHÃO

dino-1-1024x768

Dino

O governador Flávio Dino (PCdoB) deu, ontem (25), uma declaração curiosa (para dizer o mínimo) durante a inauguração do Hospital Macrorregional de Santa Inês.

Segundo o comunista “deu muito trabalho” construir a unidade de saúde.

“Esse hospital, minha gente, fazê-lo deu muito trabalho. Ainda teve essa complicação que o doutor Lula explicou para vocês”, disse ele, a uma plateia de aliados.

O que o governador não disse – mas a gente conta por ele – é que o novo Hospital Tomás Martins, como batizado o hospital de Santa Inês, foi entregue à atual gestão com 90% das obras concluídas.

O governo, no entanto, paralisou os trabalhos, o que acabou forçando o prefeito Ribamar Alves (PSB) a protocolar no Tribunal de Justiça um mandado de segurança com pedido de liminar para que Flávio Dino fosse obrigado a concluir e inaugurar a obra.

Em entrevista coletiva, no mês de junho deste ano, Alves apresentou um relatório apontando que faltavam menos de 10% para sua conclusão.

“O que nos causa estranheza é que cidades como Caxias e Pinheiro, ambas com obras menos avançadas, já tiveram seus hospitais inaugurados”, reclamou o prefeito.

Se Flávio Dino reclama do trabalho que dá construir 10% de um hospital, calcule um inteiro…

Fonte: Gilberto Leda

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *