EM CODÓ, PACIENTE COM COVID-19 DENUNCIA QUE NÃO RECEBEU SEQUER UMA VISITA DA SECRETARIA DE SAÚDE

Displicentemente, a secretaria de saúde de Codó vem deixando de acompanhar pacientes do Coronavírus no município. Ontem à noite, o BLOG DO DE SÁ entrou em contato com um amigo, que infelizmente foi atingido pela Covid-19, para saber de sua saúde, mas o que vimos foi algo extremamente preocupante. O paciente relatou uma circunstância gravíssima na conduta da secretaria de saúde de Codó, como os nossos leitores podem acompanhar no print mostrado aqui no BLOG com a permissão do paciente.

NADA ATÉ AGORA

O Paciente (que não terá seu nome divulgado por questões éticas) foi diagnósticado com a doença no início de maio no HGM (Hospital Geral Municipal),  e desde então permaneceu em casa, seguindo a orientação das autoridades de saúde. Ele revela nunca ter recebido uma visita dos profissionais da secretaria de saúde de Codó como mostra a conversa abaixo.

VALORES RECEBIDOS EM CODÓ

O município de Codó já recebeu do governo federal exatos: R$ 9.898.696,41 (nove milhões, oitocentos e noventa e oito mil, seiscentos e noventa e seis reais e quarenta e um centavos) para ser usado no combate ao Coronavírus na cidade de Codó. Estranhamente, a secretaria de saúde de Codó ainda não divulgou nenhuma nota contendo o número de pessoas que tenham sido curadas do Coronavírus na cidade. Só lembrando que o primeiro caso foi confirmado no dia 21-04-2020, ou seja, a exatos 15 dias. Uma vez que as estatísticas da OMS (Organização Mundial de Saúde) estimam um tempo de 14 dias para que o paciente possa ser curado do vírus, em Codó não foi informada nenhuma recuperação, e nem a secretaria explica como está a situação das pessoas que testaram positivo para o novo Coronavírus, e que deveriam ser monitoradas continuamente. Não vamos divulgar mais dados da conversa para não prejudicar o paciente.

                                                   Veja abaixo o print da conversa com o paciente.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *