MAIS DA METADE DA POPULAÇÃO NÃO ACREDITA NAS PESQUISAS ELEITORAIS

images

Imagem Ilustrativa

Há duas semanas para as eleições majoritárias e proporcionais que vão apontar os novos governantes e representantes nas assembleias, Câmara e Senado brasileiro, muitos candidatos ainda se apegam aos números pesquisados para saber como vai a própria campanha.

Para a maioria dos postulantes aos cargos públicos, a pesquisa eleitoral é a única forma de aferir como estar a aceitação junto ao povo, e a partir daí, traçar metas que possam ajudar na disputa.

É nesta época também que os institutos dobram o faturamento. Uma pesquisa eleitoral pode custar até 60 mil reais.

Vira e mexe, um grupo de políticos, partido ou coligação encomenda e divulga pesquisas eleitoras. Os números são tratados como troféus, resultados significativos, que, se estiverem corretos indicam os vitoriosos na disputa.

Mas, nem sempre o resultado é recebido sem questionamentos dos próprios eleitores. Mais de metade da população não acredita nas pesquisas eleitorais.

Esse cenário de dúvidas pode ser constatado numa enquete realizada entre os dias 1º a 10 de setembro. Quase 53% das pessoas que participaram da sondagem eletrônica não confia nas pesquisas e mais de 12% nem liga para o resultado.

A enquete que recebeu 800 clicks não perguntou sobre o porquê dessa desconfiança, mas, nas ruas é possível constatar que a população não acredita nas pesquisas, por achar que a maioria delas são manipuladas.

Vale ressaltar que no Brasil, toda pesquisa eleitoral, antes de ser publica, ou seja, no ato da contratação, deve ser registrada no Tribunal Superior Eleitoral.

Veja o resultado da enquete
Você acredita e confia nas Pesquisas Eleitorais?
– Não 52,8%
– Sim 34,9%
– Não ligo para pesquisas 12,3%

Fonte: Direto da redação do NOCA/Mano Santos

 

Um comentário em: “MAIS DA METADE DA POPULAÇÃO NÃO ACREDITA NAS PESQUISAS ELEITORAIS

  1. 21 de setembro de 2014 às 10:17
    ESSA PESQUISA DO IBOPE (a segunda) NADA MAIS É DO QUE UMA GRANDE “”PEGADINHA””.
    OBSERVANDO E COMPARANDO AS DUAS PESQUISAS DO IBOPE, VEMOS QUE HÁ A MANUTENÇÃO DE BRANCOS/NULOS 8% E NÃO SABEM/NÃO RESPONDERAM 16%. SEM VIDÊNCIA NENHUMA,A TERCEIRA
    PESQUISA DO IBOPE, ENSEJA PENSARMOS QUE BRANCOS/NULOS E NÃO SABEM/NÃO RESPONDERAM
    IRÃO “”MIGRAR”” PARA O EDINHO LOBÃO, FAVORECENDO A TRAQUINAGEM NAS URNAS. NUMA DISPUTA ELEITORAL, FALTANDO APENAS 16 DIAS, NÃO TEM COMO CONCEBER A EXISTÊNCIA DE 24 PONTOS PERCENTUAIS ENTRE BRANCOS/NULOS E NÃO SABEM/NÃO RESPONDERAM. OBSERVEM QUE, NA PRIMEIRA PESQUISA IBOPE, OS INDECISOS ESTAVAM EM 18 PONTOS PERCENTUAIS E AGORA APARECEM COM 16 PONTOS. O GRUPO DO FLÁVIO DEVE TOMAR MUITO
    CUIDADO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *