MAX TONY REPELE HOSTILIDADE DE CARRIN,MAS FOCA SEU DISCURSO NA EDUCAÇÃO E JUVENTUDE

images (1)

Max Tony

O Vereador Max Tony (PT do B) abriu seu pronunciamento agradecendo aos membros da Comissão Permanente de Educação, Cultura, Saúde e Meio Ambiente da Câmara Municipal de Codó, especialmente ao Vereador Gracinaldo, Vereador Chaguinha da Câmara, por o escolherem como presidente.

Gostaria de dizer também senhor presidente, que buscarei juntamente com meus colegas de parlamento, uma atuação propositiva deste Colegiado, não só no campo legislativo, mas, igualmente, na realização de debates que interessam nossa sociedade, bem como na interlocução com os principais atores públicos e privados que lidam com as questões de todas as áreas temáticas que integram nossa comissão”. Declarou.

Refutando agressões desnecessárias

Mesmo que de maneira diplomática e educada, Pastor Max não deixou de lamentar o comportamento indecoroso de um colega de parlamento e repelir a linguagem vil de veículos de comunicação que insistem em fazer o desserviço da informação distorcida e pessoal, a debater os temas importantes do município de maneira madura

Senhor presidente, peço que me perdoe a ironia, mas só gostaria de deixar registrado o prazer de mais uma vez iniciar o ano com meu rosto e fala estampados numa importante TV codoense. Já está virando tradição. Pena que a intenção é somente de ridicularizar e descaracterizar nossos discursos, numa tentativa desesperadora de jogar a opinião pública contra nós”. Disparou

Voltando aos temas pertinentes a Casa do Povo, Pastor Max expôs que os maiores índices de violência e de morte estão entre os jovens, que os homicídios são a principal causa de morte de jovens de 15 a 24 anos no Brasil e que atingem especialmente jovens negros do sexo masculino, moradores das periferias, panorama no qual a cidade de Codó se enquadra.

Preconizando sempre a educação, os valores familiares e os ensinamentos pela Palavra de Deus (A Bíblia Sagrada), o parlamentar levou ao plenário o resgate da Lei n.º 1.255 de 27 de dezembro de 2001, que estimula uma juventude alicerçada também nos ensinamentos bíblicos e cobrou aos edis sobre o Projeto de Lei que cria o Conselho Municipal da Juventude e também o fundo municipal da juventude.

Indicações

Pela indicação de Nº 07/14, Pastor Max solicita ao executivo municipal a criação de um Centro de Apoio e Casa de Abrigo a Mulheres Vítimas de Violência, onde mulheres ameaçadas possam encontrar proteção e amparo. Nas indicações Nº 26/14 e 27/14, o parlamentar reivindicou recapeamento da massa asfáltica para a Rua da Estrela, 1º de Maio e de uma estrutura coberta para a Praça da Bíblia.

Ascom/Vereador Max Tony

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *