MULHER CODOENSE É ACUSADA DE RAPTAR BEBÊ EM TIMON

BEBE-ROUBADO

Acusada e bebê raptado

O rapto de um bebê do sexo masculino de apenas 3 meses está sendo investigado pela delegacia regional de Timon. Segundo a irmã da mãe do bebê, Naiara Botelho, uma mulher identificada como Luana fez amizade com a mãe do bebê após ficarem internadas na maternidade Dona Evangelina Rosa no mesmo período, e aproveitando-se dessa amizade teria raptado o bebê.

“Ela também estava grávida e fez amizade com a minha irmã, o bebê dela nasceu com problema. Essa mulher pediu várias vezes o bebê pra minha irmã, ela inclusive está muito abalada, nunca pensou em dar meu sobrinho”, comenta Naiara. Segundo a jovem a família acabou descobrindo que o endereço que a mulher deu era para sua irmã era falso, mas no local, disseram que ela nunca morou lá. “Mesmo com o endereço falso a polícia já tem pista de que essa mulher mora no município de Codó no Maranhão”, afirma.

De acordo com o delegado Valente, da Delegacia Regional de Timon, a única informação que a policia tem até o momento é o nome da acusada, que se chama Luana. “Não temos muita informação, sobre o caso, o que temos é só o nome da acusada que se diz chamar Luana, mas nada é certo. Solicitamos mais informações da Maternidade Dona Evangelina Rosa, que nos encaminhará dados da acusada”, informou o delegado.

Fonte Site MANEWS

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *