MUNICÍPIOS DA REGIÃO DOS COCAIS RECEBEM BLITZ EDUCATIVA DURANTE O CARNAVAL

índice

Imagem ilustrativa

Durante o Carnaval, algumas cidades da região dos Cocais, como Codó, Peritoró e Timbiras, recebem turistas que buscam regiões mais calmas que grandes centros, mas que também contam com atividades comemorativas a data. Para chamar a atenção de moradores e turistas, a Plan International Brasil leva para a região a campanha “Quanto custa a violência sexual contra as meninas”. Lançada em 2015, a iniciativa pretende promover e qualificar o debate sobre a violência sexual contra as meninas que já chega a mais de meio milhão de casos por ano no Brasil. Além disso, em todas as cidades os jovens participantes do projeto “Trabalhar não é Brincadeira” serão repórteres mirins e farão um vídeo sobre as atividades.
Na quinta-feira (04/02), em Timbiras, acontecerá uma matinê, das 14 às 17h, no Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, voltada para pais, crianças e jovens da região. O evento realizado pelo projeto “Trabalhar Não é Brincadeira” – parceria com a Fundação Telefônica Vivo, pretende destacar a relação entre Carnaval e trabalho infantil. Em parceria com o Superior Tribunal do Trabalho do Maranhão também será lançada uma campanha contra o trabalho infantil.
Durante o sábado (06/02) das 8h às 12h, jovens mobilizadores de projetos da organização e colaboradores da Plan, farão uma blitz educativa no portal de Codó e na BR 316, em Peritoró. Em Peritoró, a blitz contará com o apoio da PRF (Polícia Rodoviária Federal). O objetivo é conscientizar a sociedade sobre a importância do combate a violência sexual, que aumenta na época do Carnaval e como crianças e jovens podem estar vulneráveis a esta situação. Esta atividade será realizada por meio da entrega de leques e kits para visitantes, contendo folders informativos sobre projetos, e orientações práticas para denúncias em caso de abuso ou violação dos direitos das crianças e adolescentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *