PARTICIPE DA ENQUETE: VOCÊ É CONTRA OU A FAVOR NO FECHAMENTO DE FESTAS E BARES MAIS CEDO EM CODÓ?

Índice

Imagem meramente ilustrativa

O blog do de Sá resolveu fazer uma enquete para saber da população codoense sobre as novas normas da Delegacia Regional de Codó, concernentes ao funcionamento de bares e festas na cidade. A votação pode ser feita no lado direito de seu computador aqui no Blog do de Sá. O resultado divulgaremos na semana quem vem deixe sua opinião.

13 comentários em: “PARTICIPE DA ENQUETE: VOCÊ É CONTRA OU A FAVOR NO FECHAMENTO DE FESTAS E BARES MAIS CEDO EM CODÓ?

  1. Totalmente contrario. Continuando com esse pensamento de qie tem que fecjar porque a policia é incompetente para dar segurança. Daqui a pouco ele vai querer fechar meu comércio às 14:00 por que esta muito perigosa. O Estado recolhe imposto é para nos dar segurança. E não para dar toque de recolher a emoresarios e comerciantes.daqui a pouco vai fechar a Afonso Pena às 14 horas também porque esta perigosa. Proibir a venda de motos porque tem muita gente se acidentado, é melhor do que fazer blitz. Eles estão fugindo do trabalho deles…

  2. Sou totalmente contra. As pessoas que são a favor não sabem o mal que estão fazendo para a liberdade. Beber, dançar, e até mesmo, porque não, fazer farra, não é ilegal. As leis para coibir os excessos já existem. Existem leis contra agressão física, existem leis contra o roubo e assalto, existem leis contra assassinato, existem leis contra pertubação da paz, etc. Se o fato de as pessoas cometerem esses abusos quando estão bebendo ou se divertido, este é o caso de aplicação dessas leis e não buscar o caminho cômodo – principalmente para a polícia que não faz o seu trabalho direito – de simplesmente proibir a diversão dos outros. Agir desta forma demonstra o pensamento simplista e até mesmo perigoso. Muita gente acaba concordando com esse tipo de procedimento das autoridades, pensam consigo: eu não gosto de festa, não gosta dessas folias, então tem é que proibir mesmo! Mas o que elas não levam em consideração é que vivemos em um estado de direito, isto é, em uma sociedade regida pelas leis e não por normas. No momento que simples autoridades policiais impõem normas que autoritárias, cerceiam nossa liberdade e nosso direito, acredito que é hora de recorrer a instâncias maiores.

Deixe um comentário para Wallace Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *