PASTOR MAX DESTACA QUE CODÓ NÃO ESTÁ ENTRE OS MUNICÍPIOS MARANHENSES EM SITUAÇÃO IRREGULAR JUNTO AO FUNDEB

maxtony

Pastor Max em meio a servidores da educação de Codó

O vereador Pastor Max (PT do B) destacou, na última sessão antes do recesso da Câmara de Codó, importantes eventos realizados no município. Max discorreu sobre otrabalho que o projeto EJATIVO tem realizado com idosos, homens e mulheres atividades físicas nos bairros através de monitores preparados com a formação em Educação Física. “Neste tempo de tantos problemas relacionados a saúde, o projeto leva qualidade de vida para os alunos da educação de jovens e adultos, Brasil Alfabetizado e comunidade que desejar”.
O edil também lembrou o bonito arraial do EJATIVO, realizado com todos os polos que desenvolvem o projeto, como Codó-Novo, São Francisco, Trizidela, Santo Antônio, São Pedro. Na festa, os participantes apresentaram danças típicas e também participaram de uma grande aula a céu aberto. “Esse é um trabalho sério que tem transformado vidas e resgatado a dignidade de jovens e adultos”.

Dez anos de EFA de Codó

Outro evento que mereceu o destaque do vereador foi a comemoração dos 10 anos de funcionamento da Escola Família Agrícola de Codó. A EFA, como é conhecida, iniciou suas aulas no dia 25 de abril de 2005 e tem realizado um trabalho voltado para o fortalecimento da educação do campo. A EFA se utiliza da pedagogia da alternância, em que os alunos utilizam parte do tempo para praticar o que aprenderam em suas comunidades, fortalecendo assim o trabalho do homem do campo. “Parabéns ao Acelino e a todos os alunos e professore que trabalharam e trabalham para fortalecer aquela escola”.

25 anos do ECA

O parlamentar não deixou de lembrar os 25 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA. Para Max a celebração dos vinte cinco anos do ECA é importantíssimo, pois O Estatuto criou mecanismos de proteção nas áreas da educação, saúde, trabalho e assistência social.
“As crianças brasileiras, sem distinção de raça, classe social, ou qualquer forma de discriminação, passaram de objetos a serem sujeitos de direitos, considerando em sua peculiar condição de pessoas em desenvolvimento e a quem se deve assegurar prioridade absoluta na formulação de políticas públicas e destinação privilegiada de recursos nas dotações orçamentárias das diversas instâncias político-administrativa do País”,comentou.
O edil parabenizou ainda o Prefeito Zito e o Secretário de Saúde, Ricardo Torres, pela realização e promoção da Conferência Municipal de Saúde, a câmara e os colegaspelos trabalhos realizados no primeiro semestre, e encerrou seu discurso informando que Codó não está incluído na lista municípios do Estado do Maranhão em situação irregular junto ao FUNDEB.

Ascom

Um comentário em: “PASTOR MAX DESTACA QUE CODÓ NÃO ESTÁ ENTRE OS MUNICÍPIOS MARANHENSES EM SITUAÇÃO IRREGULAR JUNTO AO FUNDEB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *