POLÍCIA MILITAR DE CODÓ CONDUZ “MÃOZINHA” ATÉ AO FORUM A PEDIDO DA JUSTIÇA APÓS O MESMO NÃO TER COMPARECIDO EM DUAS AUDIÊNCIAS

12177840_599842330157033_197339966_n

A esquerda oficial de justiça Vicente, ao meio “Mãozinha” e a direita o policial militar Joás

Com justiça não se brinca! A justiça deve ser respeitada, mas foi ao contrário que aconteceu com Osvaldo Filho “o Mãozinha” que é titular de um blog na cidade de Codó intitulado como “Boca no Trombone”.

ENTENDA O QUE ACONTECEU.

“Mãozinha” teria feito denúncias infundadas em seu blog dizendo que a esposa de um apresentador de TV em Codó teria sido presa por conta de malversação no banco onde trabalhava. As denúncias foram feitas pelo dito Blogueiro sem nenhuma fundamentação, sem nenhum cuidado e em ouvir a parte acusada, se esquivando totalmente de noticiar a verdade, como diz o art. 7º, que: “O jornalista não pode submeter-se a diretrizes contrárias à precisa apuração dos acontecimentos e à correta divulgação da informação”. Por conta disso, “Mãozinha” foi acionado na justiça pela parte ofendida e teve que se explicar perante a justiça sobre a notícia contra a esposa do apresentador.

NÃO COMPARECEU A AUDIÊNCIA

Por duas vezes o “Blogueiro”“ Mãozinha” faltou as audiências marcadas na delegacia Regional de Codó com o delegado Zilmar Santana. O processo foi encaminhado ao fórum de justiça de Codó e lá “Mãozinha” fez a mesma coisa: desdenhou da justiça e não compareceu a mais duas audiências marcadas pela Dra. Gisele Rondon. Por conta disso a magistrada determinou um oficial de justiça e a polícia militar que fossem a procura de “Mãozinha” e o levasse até o fórum para que o mesmo pudesse explicar o que havia acontecido sobre a ausência nas audiências marcadas pela Juíza.

QUE SIRVA COMO EXEMPLO.

É bom que sirva como exemplo para o “Blogueiro” “Mãozinha” essa ordem da justiça. Que sirva também para outras pessoas que atuam na imprensa e fazem denúncias infundadas. Ter blog é saber levar a notícia para as pessoas, saber respeitar o direito do próximo. Portanto, quando as denúncias forem feitas, devem ser analisadas para que coisas desse tipo não venham acontecer e colocar na “vala comum” aqueles que trabalham de forma seria na imprensa.
Qualquer pessoa pode processar outra, mas é bom é quando isso acontece e o processado leva as provas debaixo do braço para a sala da juíza (a), coisa que sempre fiz quando processado fui, e é por conta disso que nunca fui condenado em processo nenhum, porque quando faço uma denúncia tenho as provas. Parabéns a justiça de Codó pela bela atitude.

19 comentários em: “POLÍCIA MILITAR DE CODÓ CONDUZ “MÃOZINHA” ATÉ AO FORUM A PEDIDO DA JUSTIÇA APÓS O MESMO NÃO TER COMPARECIDO EM DUAS AUDIÊNCIAS

  1. venho através desta dizer que a policia de cajazeiras não ta servindo para nada pois dia 15 na festa na praça deu briga e a policia não fez nada não foi nem olhar e o filho do senhor Raimundo carlos foi preso porque estava batendo na mulher e o ceu Raimundo mandou soltar na mesma ora e ainda soltou os outros que estavao preso emtao a policia esta qui para não fazer nada

    1. Senhora nonata Salazarem respeito primeiro aos meus e depois aos leitores, porque você mesmo não o merece, não vou responder aos seus insultos. O bom julgador por si se julga. Favor não continuar esse descalabro emocional ou posso lhe acionar na justiça. Não defendi ninguém apenas fiz um comentário, outrossim lhe informo que a minha mãe já é falecida há mais de quarenta anos e a simples menção dela por sua pessoa enseja um processo judicial.
      Atenha-se aos bons modos.

  2. Sem querer entrar no mérito da questão, procurei o que o mãozinha postou e não considerei tão grave assim. O que ele postou não foi afirmativo e sim suposicoes.
    Nada mais nada menos o que toda a cidade fala sobre o assunto, ademais pego emprestado parte de um artigo do jornalista Paulo Nogueira.

    Mais de 100 anos atrás, aquele que para muitos foi o inventor do jornalismo moderno, Joseph Pulitzer, cunhou uma máxima.
    “Jornalista não tem amigo.”
    A lógica de Pulitzer é impecável. O jornalista poupa o amigo.
    A amizade corrompe o jornalista e o jornalismo.

  3. Quando o nosso competente de Sá coloca que sirva de exemplo para o blogueiro mãozinha,gostaria de falar aos codoenses e principalmente ao jornalista,Advogado e blogueiro Acélio Trindade,que coloque suas barbinhas de molho,pois o mesmo gosta muito de escrever matérias sem conhecimento de causa,isto é,não procura se informar antes da verdade do caso relatado por alguém,vai logo escrevendo o que vem em sua mente tendenciosa.Te liga velho Acélio,vc que um dia já foi um profissional Imparcial,hoje virou a casaca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *