POLÍTICOS BADERNEIROS: PREFEITA DE LAGO DA PEDRA DISCUTE COM DEPUTADOS EM EVENTO REALIZADO POR LUIS FERNANDO

Discussão-louro-e-Maura-Jorge-lago-da-pedra-4-e1391230089951

Raimundo Louro e Maura Jorge no momento da confusão

Foi um verdadeiro barraco entre o deputado Raimundo Louro e a prefeita Maura Jorge, durante a autorização de obras de pavimentação da MA-245, em Lago da Pedra.

O barraco ocorreu no palanque que Maura Jorge organizou para receber a ordem de serviço, que será realizado pelo Governo do Estado.

A briga aconteceu em razão de quem quer ser o ‘padrinho’ da MA-245. A confusão é desde o ano passado, quando os deputados Raimundo Louro e Neto Evangelista bateram boca na tribuna da Assembleia Legislativa.

Por conta disso, a prefeita no seu discurso alfinetou Raimundo Louro e determinou que no seu palanque nenhum deputado iria discursar, apenas o vice-prefeito de Lago da Pedra e o secretário de Estado.

Ocorre, que logo após discursar, Maura Jorge passou o microfone para o genro, deputado Neto Evangelista, que começou a disparar várias indiretas ao deputado Raimundo Louro.

“Eu quero aproveitar essa ocasião para esclarecer uma inverdade dita ao meu respeito que eu votei contra essa estrada”, disparou Neto.

Foi então que Raimundo Louro puxou a prefeita e disse: “Eu quero saber se eu também vou discursar, porque estava combinado que nenhum deputado discursaria”.

Aí, meu amigo, o barraco começou. Maura Jorge respondeu apontando o dedo na direção do deputado:“Olha Raimundo Louro, eu te respeito, mas fica sabendo que aqui em Lago da Pedra quem manda sou eu”.

Em seguida Raimundo Louro ameaçou: “Se eu não discursar Maura Jorge, na hora que eu descer desse palco eu vou para televisão e vou arrebentar com vocês. É você que sabe”.

E não para por aí, o pau continuou quebrando no palanque, enquanto Neto Evangelista discursava:

“Aqui você não discursa, aqui você não discursa, quem manda aqui sou eu”,respondia por diversas vezes a prefeita Maura Jorge.

O bate boca chamou a atenção das autoridades presentes, que acabaram apaziguando os ânimos dos dois. Horas depois, a prefeita pegou o microfone e disse que ia deixar o deputado Raimundo Louro discursar.

Fonte Luis pablo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *