POLÍTICOS FRACOS: ALIADOS DE FLÁVIO DINO EM CODÓ NÃO MOVERAM UMA “PALHA” PARA A PERMANÊNCIA DO CORONEL JURANDIR NO 17° BATALHÃO

IMG_20160107_100618758

Coronel Jurandir

Era objetivo do coronel Jurandir de Sousa Braga ficar no comando do 17° Batalhão da Polícia Militar de Codó pelo menos 02 anos. Isso era comentado pelo coronel até mesmo nos meios de comunicação da cidade. Mas uma ligação recebida pelo comandante na tarde de ontem, por volta das 14 horas, o pegou de surpresa. A ligação partiu do comando geral da polícia em São Luís, pedindo que o mesmo fosse, às pressas, ainda na tarde de ontem (11) se apresentar no comando em São Luís. O motivo seria a transferência do coronel para a cidade de Bacabal.

ALIADOS DE FLÁVIO DINO DEMONSTRAM FRAQUEZA

Os aliados de Flávio Dino em Codó não moveram uma palha para que o comandante do 17° batalhão, coronel Jurandir de Sousa Braga, permanecesse na cidade de Codó. Nem Pedro Belo, que diz ser homem forte do governador Flávio Dino na região, nem o empresário Francisco Carlos de Oliveira, que também vive pregando ser aliado do governador, e muito menos Biné Figueiredo, que tem quase toda a família empregada no governo do estado, além de Arlindo Salazar e Dr. Mendes e tantos outros que se dizem ter moral com o governador. Isso mostra que a política de Codó está cada vez pior e que quando é para os políticos se unirem em prol de uma causa, nada disso acontece.

“CODÓ NÃO É PRIORIDADE NO MOMENTO” DISSE COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA AO CORONEL JURANDIR.

Ao receber a ligação na tarde ontem, o coronel Jurandir ainda tentou questionar sobre sua ida a São Luís, dizendo que estava preparando um bom esquema de segurança para o carnaval de Codó, e por conta disso o comando geral deveria pensar nessa transferia dele para Bacabal. Curto e grosso, o comandante geral Marco Antônio Alves da Silva disse que atualmente Codó não é prioridade, e sim Bacabal, porque o município está sem comandante. Bom, agora vamos aguardar para saber quem será o novo comandante do 17° da Polícia Militar na cidade de Codó.

21 comentários em: “POLÍTICOS FRACOS: ALIADOS DE FLÁVIO DINO EM CODÓ NÃO MOVERAM UMA “PALHA” PARA A PERMANÊNCIA DO CORONEL JURANDIR NO 17° BATALHÃO

  1. CARO BLOGUEIRO.

    GOSTARIA APENAS DE ESCLARECER PARA TODOS OS CIDADÃOS CODOENSES QUE MUITO EMBORA TENHA APOIADO O ADVOGADO FLÁVIO DINO NA ELEIÇÃO DE 2014, APÓS A SUA POSSE OCORRIDA EM JANEIRO DE 2015, JAMAIS FUI CHAMADO OU CONSULTADO POR ESTE OU POR QUALQUER SECRETÁRIO DE ESTADO OU ASSESSOR SOBRE QUALQUER ATO PRATICADO PELO GOVERNADOR DO ESTADO EM CODÓ E REGIÃO.

    NO QUE TANGE AS TRANSFERÊNCIAS REALIZADAS DOS COMANDOS DA POLICIA CIVIL, MILITAR E NOS DIVERSOS OUTROS ÓRGÃOS ESTADUAIS, CUMPRE ESCLARECER AINDA, QUE JAMAIS FUI CONSULTADO SOBRE TAIS ATOS.

    PORTANTO NÃO RESPONDO PELO GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO OU PELO MUNICÍPIO DE CODÓ E MUITO MENOS CHEGUEI A INDICAR QUALQUER CARGO OU INDICAÇÃO EM ÓRGÃO DO ESTADO DO MARANHÃO. FATO ESTE QUE É DO VOSSO CONHECIMENTO E DE TODA A POPULAÇÃO.

    DO MESMO MODO COMO MILHARES DE CIDADÃOS CODOENSES, SOU CONTRÁRIO A TRANSFERÊNCIA DO MAJOR JURANDIR E DE TANTOS OUTROS BONS PROFISSIONAIS QUE DESEMPENHARAM UM TRABALHO SÉRIO EM PROL DA SOCIEDADE DE CODÓ-MA.
    FICA DESTE MODO O REGISTRO DA MINHA MANIFESTAÇÃO.
    ABRAÇOS. DR. MENDES.

  2. MEU CAROS, PAREM PARA RACIOCINAR UM POUCO. O QUE LEVOU O TEN.CORONEL JURANDIR, SER TRANSFERIDO PARA BACABAL-MA, FOI UM IMPREVISTO QUE OCORREU POR LÁ, PAREM DE FAZER COMENTÁRIOS CRIMINOSOS QUERENDO CULPAR ESTADO OU MUNICÍPIO PELA IDA DO MESMO A CIDADE DE BACABAL-MA. FATO É QUE EXISTIU UMA BRIGA INTERNA ENTRE O COMANDANTE E SEUS COMANDADOS EM BAACABAL-MA, O COMANDO GERAL DA PMMA , USOU SIMPLESMENTE DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS PRIMEIRO TRANSFERIU O COMANDANTE DE BACABAL-MA, PARA SÃO LUIS. SEGUNDO PASSO ERA ENVIAR UM COMANDANTE QUE TIVESSE A CAPACIDADE DE CONTROLAR A TROPA DA PMMA E O NOME DO TEN.CORONEL ERA O FLEXÍVEL PARA RESTABELECER A SITUAÇÃO POR LÁ.
    ENTÃO SENHORES PAREM DE DIZER: QUE O PREFEITO TINHA QUE IR NO COMANDO GERAL PMMA, QUE O PEDRO BELO TINHA QUE FALAR COM O GOVERNADOR E BLÁ BLÁ BLÁ . NADA DISSO IRIA ADIANTAR PORQUE O COMANDO GERAL DA PMMA, QUANDO TOMA UMA ATITUDE DESSA NATUREZA ELA PRIMEIRAMENTE FOI BEM ESTUDADA, NÃO FAZEM POR IMPULSO NÃO SENHORES. JÁ IMAGINAVA QUE MURILO SALEM EM SEUS COMENTÁRIOS IA CITAR O PREFEITO COMO É DE COSTUME.

  3. Há uma crise nacional em tudo o que se pode imaginar. Nada está funcionando neste país a não ser a eterna roubalheira dos petistas que ocupam os cargos mais bem remunerados deste nefasto governo que se instalou no Brasil e está levando todo mundo para o Buraco. Aqui em Codó, só para citar a Saúde, basta uma visita ao HGM para se ver que parece que estamos no Haiti. A UPA que sempre foi a salvação da lavoura está com a corda no pescoço e se parar vai ser o fim da picada. A Educação vai de mal a pior menos aqueles que fornecem produtos para a educação ou prestam serviços. É esquema pra todo lado. A comida paga pela Prefeitura e que vai para os hospitais é de péssima qualidade, mas o fornecedor está muito bem obrigado. Aliás os fornecedores estão muito bem e os prestadores de serviços nem se fala. Enquanto o Prefeito cuida de enfeitar a sua fazenda e entrega a Prefeitura para os familiares. Este final não vai nada bom, para nós, porque para eles……..

  4. Isto Q está acontecendo agora,onde demostra a falta de prestigio dos políticos ligados ao governador,é só o início de grandes problemas Q teremos pela frente,pois corre a boca miúda Q a UPA já está com dois meses sem pagar seus funcionários ,Q iam entrar em greve hj,mais pediram um prazo até dia 25/01 para sanarem as dívidas. Agora vejam só ,o hgm não funciona , os postos de saúde tb,a única Q salvava e Q inclusive salvou o nosso prefeito Qdo caiu da sua ponte,está nessa situação ,aonde vamos parar?sem segurança ,sem saúde e sem prestígio ….tamu fud…

  5. MEU CARO LEANDRO, A TRANSFERÊNCIA DO TENENTE-CORONEL, JURANDIR DE SOUSA BRAGA, REALMENTE É UMA FRUSTAÇÃO PARA TODOS NÓS. ENTRETANTO, DEVEMOS COMPREENDER A NECESSIDADE DA SUA PRESENÇA EM BACABAL, MOTIVADA PELA COMPETÊNCIA E TECNICAMENTE NECESSÁRIA. INDEPENDE DE QUALQUER UM, QUER SEJA POLÍTICO OU NÃO, A MANUTENÇÃO DO TENENTE-CORONEL NA NOSSA CIDADE. OUTRA, SE FOR DEPENDER DE POLÍTICOS, NADA MAIS LÓGICO A IDA DO PREFEITO ATÉ O COMANDO GERAL E FAZER AS SUAS REIVINDICAÇÕES. A INÉRCIA DO GESTOR É O PRINCIPAL RESPONSÁVEL.

  6. E lamentável, o comandante do 17° batalhão, coronel Jurandir, que vinha fazendo um grande trabalho na nossa cidade, mesmo sem condições, ser transferido dessa forma, população codoense vamos prestar atenção nesse povo ai que vive dizendo que tem moral com o GOVERNADOR, agora que era a hora de mostrar serviço, porque o trabalho e os projetos do comandante estava fazendo efeito no município, mas essa pessoas não estão nhei ai para a nossa sociedade, eles querem e o poder somente isso, e isso ficou bem claro agora, respondão para a sociedade porque vocês não tentaram impedir a saída do comandante pq? mas eu duvido se fosse algum interesse propio de um deles se ela não ligassem ou ate iriam la para falar pessoalmente com o GOVERNADOR, como já aconteceu, isso e uma vergonha, mas a eleição estar chegando meu povo vamos dar o troco, a sua arma e o seu voto abraço do amigo leandro viana, mas conhecido como leandro magao 2016.

  7. Quando aparece alguém para ajudar a resolver o grave problema de segurança do nosso município, vem um zé mané qualquer e diz que Codó não é prioridade. A única coisa que esse pessoal briga é pelas vagas da UPA. Tiram gente preparada para colocar Técnicos que vão treinar com os pacientes da UPA. Vamos ter uma eleição pela frente e as coisas vão continuar como estão porque a maioria dos eleitores codoenses são analfabetos funcionais. Só sabem assinar o nome para receber as esmolas do governo federal.

  8. Para a chamada classe politica que diz existir hoje em Codó, a nossa cidade nunca foi prioridade em nada. ´só dar uma olhada que você vai chegar a mesma conclusão minha. O que esta chamada classe politica quer de fato é a viúva, a Prefeitura. Porque? Muito simples – emprego para a família, dinheiro fácil nas mãos, nenhum compromisso com absolutamente nada. Isto é o que eles querem – outra coisa, conseguir prestigio dizendo ser Prefeito. Os nossos políticos são um zero à esquerda. A grande demonstração disso é o caos em que vivemos. Terra sem lei, uma dúzia de gente mamando nas tetas da Prafeitura e a falta de tudo. Estamos fritos com este pessoal que está ai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *