POR TOUSSAINT FRAZÃO: UMA BREVE ANÁLISE DA CONJUNTURA POLÍTICA DE TIMBIRAS

420px-Timbirasponte

Foto aérea de Timbiras

Nessa primeira análise, vamos olhar para o grupo do atual prefeito Fabrizio Araújo e suas chances de continuar governando o município de Timbiras a partir de 2017. De acordo com pesquisas (que não possuem fontes e que jamais alguém viu, a não ser os que as difundem), Fabrízio se encontra em uma situação confortável perdendo apenas para o ex-prefeito Nonato Pessoa.
Nos três primeiros anos de governo, Fabrízio não conseguiu através dos seus feitos, superar uma enorme rejeição que se apresentava a cada momento que seu nome era citado. Manifestações populares, ameaças de cassação, perdas e ganhos de apoio de parlamentares, foram as ações que mais chamaram atenção nesses últimos tumultuados 03 anos.
Ser reeleito em outubro vai depender de vários fatores, e o mais importante é conseguir formar um grupo competitivo, situação que atualmente não existe. Fabrízio, segundo alguns políticos mais experientes da cidade, perdeu seu maior cabo eleitoral quando rompeu com Chico do Foto, seu pai e verdadeiro possuidor dos votos que deu a vitória ao grupo que comanda atualmente o município.
A sobrevivência desse grupo no poder vai depender agora do apoio de um nome forte que possa somar e dá a ele a vitória em 02 de outubro. Não é segredo pra ninguém que o prefeito aposta suas últimas cartas em Robson Alvim que até então é uma incógnita. Por outro lado, Fabrízio não tem a preferência da maioria absoluta do grupo do PMDB, o que dificulta essa união. O resultado da última eleição mostrou que apesar de estar sem mandato há quase 12 anos, Robson ainda mantém uma grande liderança no município, por isso, é tão assediado politicamente.
O eleitorado timbirense é formado por vários segmentos, e num deles especificamente, aquele que tem acesso à internet, Fabrízio ainda não conseguiu aceitação, dado os comentários que são feitos cada vez que é seu nome é mencionado ou qualquer outra ação desenvolvida por ele seja postada.
Mas, como diria um velho político brasileiro, em “Política tudo pode acontecer, até mesmo um boi voar”. Então, nada está definido.

Fonte: Oi Timba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *