PREFEITO DE SÃO BENTO ESTÁ SENDO INVESTIGADO POR SUPOSTAMENTE COBRAR PROPINA DE CONSTRUTORA

O prefeito de São Bento, Carlos Dino Penha, está no bojo de uma investigação criminal por supostamente cobrar propina de uma construtora.

Segundo a Procuradoria Geral de Justiça (PGJ), o gestor está envolvido em uma negociata em que supostamente exigia a devolução de 20% do valor devido à empresa B dos Santos Construção e Locação, mais conhecida como Mix Gestão.

A construtora, que fica localizada em São Luís, venceu a licitação para executar obras no matadouro municipal.

Ainda de acordo com o Parquet, o prefeito, por intermédio do vereador Igor Pinheiro, estaria cobrando a porcentagem de 20% para liberar o empenho de R$ 416 mil, quantia devida à empresa. O parlamentar é apontado como o mediador das negociações.

O caso está sob a coordenação do promotor de Justiça Danilo José de Castro Ferreira, assessor especial da PGJ, que tem um prazo de 90 dias para conclusão dos trabalhos investigatórios.

Fonte: Neto Ferreira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.