REVIRAVOLTA: DELEGADO AFIRMA QUE IDOSA NÃO FOI MORTA PELA FILHA EM PRESIDENTE DUTRA

Por volta das 8 horas da noite deste sábado (25), saiu o resultado do exame Por volta das 8 horas da noite deste sábado (25), saiu o resultado do exame cadavérico do corpo da idosa Jovita Pereira da Silva de 83 anos de idade, feito a pedido do Delegado Plantonista Rildo Portela.

O exame foi pedido para constatar se a idosa teria sido assassinada por asfixia pela própria filha Irene Pereira da silva, acusada pelos vizinhos de ter praticado o crime contra a própria mãe. A notícia se espalhou na cidade por todo o dia de sábado causando espanto na população.

De acordo com o delegado, o laudo assinado por dois médicos do município, Gabriel de Oliveira Neto e João Pereira Neto, dona Jovita teve morte natural. “Não houve enforcamento, não houve estrangulamento, não houve asfixia; foi de causa natural”, declarou Rildo Portela. Acima a entrevista completa do delegado.

8fe23d54-c6fa-497e-a2ef-732739adc6e049f1280a-7163-41e5-8f95-39641fe1b3f4

Fonte: Blog do Adonias Soares

Um comentário em: “REVIRAVOLTA: DELEGADO AFIRMA QUE IDOSA NÃO FOI MORTA PELA FILHA EM PRESIDENTE DUTRA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *