ROBERTO ROCHA TIROU LICENÇA PARA TRATAR DAS DERROTAS EM SÃO LUIS, IMPERATRIZ E BALSAS

roberto-rocha

Roberto Rocha

Não passa de ‘migué’ a desculpa esfarrapada do senador Roberto Rocha (PSB) que tirou licença para tratar de assuntos relacionados a sua saúde.
De acordo com a assessoria do político, “no primeiro ano do mandato, o senador fez uma cirurgia de redução do estômago e, avaliou ele, ainda não teve tempo para se recuperar como deveria. Até fevereiro do ano que vem, o senador pelo PSB do Maranhão ficará com a família em São Luís, onde passará por exames.”
Pura balela! Na verdade, Rocha, agora apelidado de “príncipe da traição” está desde a noite do dia 02 de outubro – exatamente após a divulgação do resultado da eleição – com uma “ressaca” interminável.
Tudo por conta das três derrotas maiúsculas nas urnas deste ano. O “senador traidor” focou em três cidades onde tinha certeza da vitória: São Luís, Imperatriz e Balsas.
Ao abrir das urnas amargou prejuízos eleitorais.
Em São Luís, onde seu filho [Júnior] era vice do atuante deputado estadual Wellington do Curso (PP), viu seu candidato ficar apenas em terceiro lugar. Agora apenas assiste, de longe, o segundo turno entre dois candidatos da base do governador Flávio Dino: Edivaldo (PDT) e Braide (PMN).
Em Imperatriz, Roberto já cantava vitória e chegou até jogar “piadinha” nas redes sociais. Até o seu partido, o PSB, deu de bandeja para o ex-prefeito Hildo Marques. Mas quando as urnas abriram teve que assistir o delegado Assis Ramos, do PMDB, ganhar de presente a segunda maior prefeitura do Maranhão.
Já em Balsas, cidade onde o irmão – Rochinha – é o atual prefeito e não disputou a reeleição diante do alto grau de rejeição, Roberto também perdeu. Apoiou o ex-prefeito Chico Coelho (PSL) que foi derrotado pelo pedetista Dr. Erik.
Então, a forma de esconder as derrotas foi acovardar-se e pedir licença…

Fonte: Domingos Costa

Um comentário em: “ROBERTO ROCHA TIROU LICENÇA PARA TRATAR DAS DERROTAS EM SÃO LUIS, IMPERATRIZ E BALSAS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *