SÃO LUÍS: promotor acusado de extorsão é denunciado ao CNMP

O presidente da Câmara Municipal de São Luís, Paulo Victor(PSDB), ingressou nesta segunda-feira (4) com reclamação disciplinar com pedido de medida liminar de afastamento do cargo contra o promotor Zanony Passos Silva Filho, sob a alegação de prática de crimes de extorsão no exercício do cargo.

Mais cedo, o parlamentar apresentou prints e documentos que mostram a perseguição sofrida por ele e pelo parlamento municipal após Paulo Victor se recusar a ceder cargos ao promotor e cortar dos quadros comissionados por ele indicados.

O documento alega que Zanony “agiu criminosamente, violando inúmeros deveres do cargo, na medida em que praticou extorsão de forma continuada contra o Presidente da Câmara Municipal de São Luís/MA, chantageando-o para que nomeasse parentes e asseclas seus em cargos comissionados, sob pena de levar adiante investigações criminais em desfavor do vereador extorquido”.

A equipe jurídica de Paulo Victor pede a instauração de processo disciplinar pelo Conselho e a concessão de liminar para afastamento cautelar do Promotor de Justiça do cargo, além da suspensão do processo investigatório criminal aberto por Zanony contra o presidente da Câmara.

Confira a íntegra da peça aqui

Fonte: Antônio Martins

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *