SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE CODÓ RECEBE LAPTOPS PARA ESCOLAS DA ZONA RURAL

 

 

1926899_779282228766650_1962490694_n

Laptops que serão doados para escolas

Alunos das escolas municipais da zona rural de Codó terão um grande aliado em suas aulas a partir desse mês. Uma importante aquisição do governo municipal, Secretaria Municipal de Educação de Codó e o PRONACAMPO, do Governo Federal, vai facilitar o aprendizado de todos os alunos da rede municipal da zona rural, que terão a sua disposição laptops para ajudar no aprendizado de informática, pesquisas escolares e promover a inclusão digital dos alunos.

A Secretária Municipal de Educação, Rosina Benvindo, informou que o resultado da aquisição é mais uma ação do (PAR) Plano de Ações Articuladas. “Esse plano é elaborado pelos técnicos da secretaria. Uma equipe que elabora e monitora as ações do PAR em nosso município. Nós solicitamos aquilo que estávamos precisando, o MEC analisou e recebemos o equipamento”. Explicou.

A entrega dos laptops faz parte do Programa de Inclusão Digital por meio do Programa Nacional de Educação do Campo – PRONACAMPO, que visa, entre outras ações, promover a inclusão digital e o uso pedagógico da informática nas escolas do campo. E para implementar essas ações, o MEC adquiriu Laptops educacionais do tipo Positivo MOBO S7.

De acordo com dados do Ministério da Educação, Codó é um dos 81 municípios brasileiros que mais possuem escolas em zona rural. Nessa lista de 81 municípios o estado do Maranhão tem 11 que possuem números expressivos de unidades de ensino no campo, e Codó é um deles.

Em um total de 70 laptops, as escolas que receberão os primeiros 40 equipamentos são: Escola Santa Rita (Povoado de mesmo nome); Escola São Francisco (Povoado Subiante); Escola São Francisco (Povoado Pipiripal) e Escola Nelson Domingos (Povoado Marica). Cada uma dessas quatro primeiras escolas contempladas recebeu uma caixa contendo 10 laptops, que serão distribuídos aos alunos tutores. As regras para definição de quem serão aqueles que terão a responsabilidade de cuidar do equipamento utilizarão critérios como mérito, histórico escolar, freqüência, boas notas, zelo pelo material, entre outros. O equipamentos ficarão guardados na escola.

Para Secretária Benvindo, o aluno do campo está sendo visto com os mesmo direitos dos estudantes que ficam na sede do município. “Não só na esfera federal, mas o próprio governo do Prefeito Zito Rolim sempre procurou valorizar os estudantes e a educação da zona rural, com a construção e reformas de escolas, aquisição de livros didáticos e equipamentos”.

Raphael Fernandes – Ascom/Prefeitura Municipal de Codó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *