SEM TER O QUE FALAR O “ABNEGADO” PREFEITO DE BURITI BRAVO AGRIDE A JUSTIÇA, O MINISTÉRIO PÚBLICO E ATÉ MESMO A IMPRENSA

images

Cid Costa, prefeito de Buriti Bravo

Cid Costa (PTB) prefeito do município de Buriti Bravo perdeu uma ótima chance de ficar calado. Na manhã desta quinta-feira(29) o gestor foi o último a falar antes do encerramento da primeira parte da I Marcha Municipalista do Maranhão, evento realizado pela Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), na capital.
Durante seu pronunciamento, entre as tantas baboseiras proferidas, Cid aproveitou os dez minutos concedidos para falar sobre a crise que afeta os municípios brasileiros. Entretanto, na ânsia de tentar explicar as diversas denúncias de corrupção que ronda sua administração buritibravense, o prefeito acabou se atrapalhando todo e fez duras criticas contra a atuação do Ministério Público e o Poder Judiciário maranhense, e ainda, atacou a imprensa.
O Ministério Público e o Judiciário precisam ter mais diálogo com o executivo, pois hoje existe uma série de imposições judiciárias por meio de Ações Civis Publicas que acarretam as administrações municipais. Eles impõem medidas liminares sem conhecimento técnicos”, disse o prefeito.

Observado por dezenas de colegas, o prefeito não se conteve e alegou que o ideal seria a classe política buscar meios para conseguir controlar jornalistas e blogueiros, que segundo ele, promovem injustiças contra as prefeituras.

“Nós temos que buscar um controle da imprensa, para que ela possa agir com mais responsabilidade e justiça para com todos nós, principalmente nós prefeitos, que deixamos as nossas vidas para cuidar dos nosso municípios”, disse Cid.
A declaração infeliz do prefeito rapidamente se espalhou pelas redes sociais e ganhou repúdio da imprensa maranhense. Em conversa com o titular do blog logo após o evento, o gestor tentou justificar o que tinha dito minutos antes, mas o leite já havida sido derramado.

Acompanhe no vídeo abaixo:

Fonte: Domingos Costa

Um comentário em: “SEM TER O QUE FALAR O “ABNEGADO” PREFEITO DE BURITI BRAVO AGRIDE A JUSTIÇA, O MINISTÉRIO PÚBLICO E ATÉ MESMO A IMPRENSA

  1. Não vi nenhum exagero, muito menos agressividade do Prefeito. Acho que o pode havido, foi divergência de diálogo, ou mesmo, que ele possa ter ter posto em pauta, assuntos que não estavam sendo debatidos.
    Se não houve nenhuma confusão de discurso, o que há, nesse caso, nada mais é do que uma eventual e fracassável tentativa de confundir os que são leigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *