SERVIDOR DO DETRAN É PRESO POR COBRAR PROPINA PARA SUSPENDER MULTAS DE VEÍCULOS

O servidor público Bernardo Sousa Almeida foi preso, nesta quinta-feira (14), pela Superintendência de Combate à Corrupção (Seccor) por cobrança de propina no Departamento Estadual de Tânsito (DETRAN-MA).

Segundo informações policiais, Bernardo cobrava quantias a condutores de veículos prometendo facilitar vistorias, suspender multas, dentre outras condutas criminosas.

A prisão do servidor foi em decorrência de um mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz da 7ª Vara Criminal da Capital e ele será indiciado por corrupção passiva, por falsificação de documentos públicos e pela prática de advocacia administrativa.

Fonte: Neto Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *