SOBRE A VIOLÊNCIA EM CODÓ: O COMANDO ESTÁ COMANDANDO

IMG_20150415_095408388-338x480-211x300

Ten Coronel Jurandir

É fato que a violência em Codó e em todo pais assusta as pessoas. Mas vamos nos ater para Codó e deixar o país um pouco de lado, pois é em Codó que moramos e andamos nas ruas todas as horas. Não se tem um número exato de quantas pessoas foram assassinadas em Codó somente este ano. Esse número exato dificilmente alguma pessoa terá acesso, até porque não é de interesse da polícia divulgar dados de mortes a ninguém e muito menos a imprensa. Mas acredita-se que já passa das 30 pessoas que foram executadas somente este ano no município.

O COMANDANTE DA POLÍCIA E O DELEGADO REGIONAL SENDO EXECRADOS.

A onda de assassinatos na cidade coloca o comandante da Polícia Militar de Codó, Ten. Coronel Jurandir, em maus lençóis. Vejamos por que. Vejo algumas pessoas em Codó começando a criticar o comandante da polícia pelos tantos números de assassinatos na cidade, mas por outro lado essas pessoas não olham a outra face que vem sendo trabalhada pelo novo comandante. Um exemplo é o trânsito de Codó, que teve uma melhora considerável após a chegada de Jurandir. Isso é fato. O número de acidentes diminuiu consideravelmente. Não podemos culpar uma autoridade por aquilo que ela não pode prever.
Aqui vamos citar alguns casos onde á Polícia Militar, comandada por Ten. Coronel Jurandir, não pode prever. Se um tio passa a tarde bebendo e no final vai pra casa e depois assassina o sobrinho dentro de casa, como foi o caso do bairro São Francisco, não da pra adivinhar. E muito menos prever um namorado assassinar uma namorada em plena três horas da manhã no Sabiazal, como foi o caso do último final de semana. Citamos ainda os outros casos recentes que todos eles, sem exceção, foram causados por disputa de tráfico de drogas ou por discussões como citamos dois exemplos de assassinatos no texto acima.

20140625_103444

Delegado Regional Alcides Martins

SIM LEANDRO DE SÁ, E ASSASSINAR PESSOAS NÃO É VIOLÊNCIA?

Lógico que é violência. Não podemos deixar de dizer que é e nem seriamos insanos em fazer tal afirmação, mas a violência é fomentada na maioria das vezes pelo tráfico de drogas, e a Polícia Militar e Civil sozinhas não podem fazer nada. Os outros órgãos públicos como Prefeitura, Ministério Público, Justiça e a sociedade devem se unir em prol de uma causa e não ficar apenas criticando as polícias pelas execuções que estão acontecendo na cidade de Codó. A sociedade às vezes precisa entender que a Polícia Militar é chamada desde uma briga de vizinho a um a assalto a banco, sem falar no pequeno efetivo e na falta de condições de trabalho.
A meu ver o comando da Polícia Militar de Codó está fazendo a sua parte, mas precisa que as outras instituições façam a sua também. Infelizmente o comandante e o delegado Regional chegaram em Codó num momento ruim, que poderia acontecer com qualquer outra pessoa, com qualquer outro comandante. Não sou amigo do novo comandante e muito menos do delegado Regional, e muitos menos tenho procuração para defendê-los, mas como homem da imprensa não faço como muitos que apenas criticam as autoridades quando essas mazelas começam a acontecer com frequência, falo isso porque não devemos torcer pela desgraça de ninguém e sim trabalharmos irmanados em prol de uma causa.

5 comentários em: “SOBRE A VIOLÊNCIA EM CODÓ: O COMANDO ESTÁ COMANDANDO

  1. CONCORDO PLENAMENTE, NÃO PODEMOS CRUCIFICAR , OS COMANDANTES DE POLICIA, POR QUE ELES ESTÃO FAZENDO O POSSÍVEL, AGORA DEVEMOS EXIGIR É DOS NOSSOS POLÍTICOS QUE VENHAM INVESTIR NA SEGURANÇA PUBLICA, POR EXEMPLO, CADE O QUARTEL DO 17º BPM DE CODO, NEM ISSO FOI TERMINANDO AINDA, PARA SE TER UMA IDEIA COMO ANDA A POLÍTICA COM RESPEITO A SEGURANÇA PUBLICA, ENTÃO NÃO VENHAM CRITICAR SIMPLESMENTE A POLICIA MILITAR E SEUS COMANDANTES.

  2. Sei. Mas é a Polícia Militar que é responsável pela segurança da população e por impedir que crimes ocorram. Como forma de prevenção, é a polícia militar faz o policiamento ostensivo, isto é, ela vai pra rua e circula pelos lugares públicos, buscando sempre garantir a paz e a tranqüilidade das pessoas. Quando necessário, a Polícia Militar também deve perseguir criminosos e pode efetuar prisões, desde que elas estejam de acordo com a lei. Em situações de grande concentração de pessoas, a polícia militar age orientando-as e antecipando-se aos problemas. Agora dizer que a policia militar não pode adivinhar, é claro que não pode, mas pode aumentar as rondas, pode fechar essas malditas bocas de fumos, (como fez com a cracolandia, e aqui reconheço que foi uma medida extremante sabia e necessária) acho que grande parte da população sabe onde tem boca de fumo, é culpa do comando local da PM? Não, ele não sozinho não é a policia, ele comanda alguns poucos policiais, que a meu ver, ainda é pouco diante do crescente numero de habitantes na sede do Município, mas também acho que não basta só fazer prevenção de acidentes, limitar a venda de bebidas em utensílios de plástico ou alumínio, acho que deve haver mais empenho por parte do Estado em resolver essas questões de violência em Codó, solicitar apoio do estado não somente para fazer blitz, mas, principalmente para aumentar a ronda e prevenir crimes, eu particularmente me sinto seguro quando uma viatura passa na minha rua, A segurança é obrigação do estado, TITULO V, CAP III Art. 144, mas também é responsabilidade de todos. Acho que a policia civil também deve dá uma resposta mais urgente à população, pois ainda existem muitos crimes não solucionados, é culpa do Delegado Regional? Não sei, mas acho que deveria haver um contingenciamento maior de investigadores e recursos para aumentar a eficiência da policia judiciária. Por fim, culpar alguém ou eximir alguém de culpa não vai resolver o problema, por duas vezes foi chamado reforço estadual pra fiscalizar o transito, por que não chamar reforço estadual e até federal pra prevenir e punir quem comete crimes em Codó?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *