VEREADOR GRACINALDO GARANTE QUE TRABALHO DA COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE IRÁ CONTINUAR EM CODÓ

DSCF6335

Ver. Gracinaldo

Esta semana a Comissão de Educação, Cultura, Saúde e Meio Ambiente da Câmara Municipal de Codó, Presidida pelo vereador Gracinaldo (PSL) convocou os vereadores que compõem seu quadro e realizou visita a empresa que foi apontada como suspeita de estar poluindo o Rio Itapecuru. Apesar de estar localizada no Município de Aldeias Altas, a empresa utiliza 1200 hectares de terras para a plantação de canaviais localizadadentro dos limites do município de Codó. “O pescador jogou a tarrafa e só pegouuma resíduosindustriais. O Rio Itapecuru está agonizando, clamando por socorro. Recebemos a denúncia e ficamos de dar a resposta ao público codoense, não somente para as pessoas que sobrevivem do Rio, mas de toda a sociedade”.
Os vereadores que compõem a comissão passaram pela empresa, foram averiguar a situação na beirada do rio. Após passarem por algumas partes das margens do rio, os vereadores forem a empresa, tiraram algumas fotos e conversaram com diretores. “Fomos muito bem recebidos e ciceroneados por uma pessoa responsável de nos mostrar os trabalhos dentro de cada departamento e cada setor. Ficamos impressionados com a organização e com a estrutura. Tivemos toda a liberdade para averiguar tudo e fotografar o que fosse necessário, mas não encontramos indícios de que o material encontrado pelo pescador no rio fosse despejado pela empresa”.
Durante a parte do vereador Leonel Filho, foi mostrado na galeria da câmara a rede usada por pescadores onde foram encontrados os resíduos, que se desconfia que sejam produzidos pela a empresa.

Comissão irá voltar a se reunir para decidir novas ações

O vereador declarou que apesar de o objetivo não ter sido atingido na primeira visita, a Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Câmara Municipal voltará a se reunir para continuar em busca da resolução do problema. “No primeiro momento não encontramos o que procurávamos, mas não quer dizer que o trabalho cessou, foi só o primeiro passo. Iremos continuar na busca e encontrar os responsáveis pela poluição do rio e mostrando o trabalho sério e compromissado dessa Comissão. Não iremos descansar enquanto não encontrarmos os responsáveis pela poluição, nem que seja necessário ir até Caxias rio acima. Não podemos deixar nosso Rio Itapecuru, nossa fonte de vida, se acabar dessa forma”, finalizou o parlamentar.

Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *