VICE PREFEITO DE SÃO LUIS ROBERTO ROCHA TORCE PELO ENTENDIMENTO DO PSDB COM LUIS FERNANDO

images

Roberto Rocha

O vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB), até o momento é o escolhido pelo grupo oposicionista para ser o candidato ao senado, mas isto pode mudar, caso o PSDB entre na composição. Essa é uma conversa certa que os próprios membros da oposição já admitem. Diante dessa possibilidade, Roberto Rocha prefere que o PSDB chegue a um acerto com Luís Fernando (PMDB) do que com Flávio Dino (PCdoB), tudo isso para manter as suas chances vivas de se tornar senador.

Em conversas com jornalistas, Roberto Rocha vem dizendo que Carlos Brandão (PSDB), não tem nenhum domínio sob o PSDB e quem manda lá de fato é o prefeito Sebastião Madeira e o ex-prefeito de São Luís, João Castelo. Diante deste cenário ele ainda acredita ser possível os tucanos chegarem a um acordo com o PMDB.

Mas como dito anteriormente (veja aqui) o PSDB não vai aceitar sair de mão vazia nessa disputa, ainda mais agora que os tucanos perderam boa parte de suas prefeituras. Nos planos do presidente Carlos Brandão, a ideia é eleger Castelo senador, três deputados federais e quatro estaduais ou ter um nome para vice, eleger os três federais e quatro estaduais.

Alheio aos planos do PSDB e também da oposição, Roberto Rocha só quer garantir a sua vaga de senador, porém ele deve lembrar que o acerto tem que ser combinado com a população, uma vez que mesmo sendo o escolhido por Flávio Dino, o socialista terá que ganhar a simpatia do eleitorado, missão difícil para quem em 2010 perdeu para o ex-governador Zé Reinaldo Tavares (PSB) na disputa para senador por mais de 85 mil votos de diferença.

 

Fonte Tribuna do Maranhão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *