ELEIÇÕES 2020: ESCUTEC APONTA VITÓRIA DE DR. JÚNIOR EM PERITORÓ

O pré- candidato Dr. Júnior estaria eleito se as eleições fossem hoje segundo a pesquisa do Instituto Escutec. O postulante aparece com 54% da opinião dos entrevistados. O levantamento foi feito com 200 eleitores da cidade nos dias 18 e 19 de julho.

Em Peritoró, até o momento, dois nomes aparecem para a futura disputa eleitoral: Dr. Júnior e Dr. Rafael. No cenário espontâneo, Dr. Júnior foi lembrado por 40% dos entrevistados e seu adversário, por 16%. Não responderam ou não souberam informar 44%.

No cenário estimulado (quando o nome dos postulantes são apresentados ao eleitor), Dr. Júnior também aparece em vantagem: dos entrevistados, 54% disseram que votariam nele para comandar a Prefeitura de Peritoró. Outros 31% disseram que votariam em outro candidato.

A opção nenhum dos candidatos apareceu com 10% e não sabe ou não respondeu, 5%.

Rejeição

O Instituto Escutec também questionou sobre a rejeição dos pré-candidatos à Prefeitura da cidade. Dr. Rafael tem a rejeição de 40% dos ouvidos. Já Dr. Júnior foi lembrado por 21%.

Nenhum dos candidatos foi a opção de 24% dos entrevistados e 15% disseram não saber ou não responderam.

Rejeição a Pe Jozias

A pesquisa Escutec também mediu a avaliação do atual prefeito de Peritoró. Pelos números, mais de 50% disseram desaprovar a gestão. Pelos gráficos, 7% consideram ótima a administração de Padre Jozias. Outros 16% afirmaram ser boa, 33% classificou de regular e 15% de ruim. Consideraram péssima a gestão de Jozias, 26% dos entrevistados. Não respondeu ou não sabem somaram 3%. Click no link abaixo e tenha acesso a pesquisa

Pesquisa Peritoró MA_reg

Aprovação da gestão Pe. Jozias

Sobre aprovação da administração do atual prefeito, 55% disseram que desaprovam e 42%, aprovam. Não sabe ou não respondeu, 3%.Aprovação da gestão Pe. Jozias

Sobre aprovação da administração do atual prefeito, 55% disseram que desaprovam e 42%, aprovam. Não sabe ou não respondeu, 3%.

Informação do Jornal O Estado, via Maciel Silva

NO TÚNEL DO TEMPO: IMPRENSA DE CODÓ SE PREPARA PARA MAIS UMA COBERTURA DAS ELEIÇÕES

Novembro de 2020 se aproxima, e com as eleições chegando, já começam os preparativos da imprensa codoense para realizar, como sempre, uma cobertura completa de tudo que vai rolar dentro e fora das urnas. Codó é um município de muitas paixões, como o futebol, o handebol, a comunicação social e, principalmente a política.

Um dos comunicadores que sempre estiveram envolvidos nas coberturas especiais das eleições é o colega Francisco Oliveira, que além de repórter investigativo é o titular do blog Correio Codoense, um dos grandes nomes entre os principais blogs da mídia digital codoense.

Nesta foto que ilustra este artigo, temos a equipe que fazia a cobertura das eleições em 2012, com profissionais tarimbados e capitaneados pelo apresentador do quadro. Na foto, junto com Francisco Oliveira temos o técnico e editor Eduardo Barbosa (Baduga), o cinegrafista Jaifran Castro, a repórter e produtora, Vanessa Soromo, e o redator Raphael Fernandes.

Nesse tempo, a mídia digital ainda estava no início de sua explosão e as redes sociais ainda não eram quase uma unanimidade entre os internautas. Blogs como o Blog do Acélio e Codó Notícias ainda estavam em início de sua história. Blogs que hoje figuram entre os grandes da mídia digital codoense, como Blog do de Sá e Blog do Marco Silva ainda não haviam entrado em ação na grande rede.

Para 2020, além da cobertura especial nas TVs e rádios de Codó, teremos uma intensa corrida entres os grandes blogs para melhor informar e levar cada detalhe das eleições aos ávidos internautas. Blogs como Acelio, Marco Silva, Blog do de Sá, Codó Notícias, Blog do Alberto Barros, Blog da Ramyria, entre outros estarão na procura pela melhor informação sobre tudo que irá acontecer em uma das eleições mais insólitas de Codó. Vamos esperar e conferir.

PREFEITO DE PARAIBANO PODE TER OS BENS BLOQUEADOS POR FRAUDE EM LICITAÇÃO

O Ministério Público do Maranhão, em Ação de Improbidade Administrativa, ajuizada nesta quarta-feira, 22, requer a indisponibilidade de bens do prefeito de Paraibano, José Hélio Pereira de Sousa, do secretário de Finanças, Almiran Pereira de Souza, do presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL), Márcio Roberto Silva Mendes, e do escritório de advocacia Leandro Cavalcante de Carvalho Sociedade de Advogados.

De autoria do titular da Promotoria de Justiça de Paraibano, Gustavo Pereira Silva, a ação indica a existência de várias irregularidades no processo licitatório por Tomada de Preços (nº 005/2018), realizado pela Prefeitura de Paraibano, as quais demostram direcionamento da licitação, a fim de beneficiar o escritório Leandro Cavalcante de Carvalho Sociedade de Advogados, vencedor do certame.

Conforme procedimento investigatório instaurado pela Promotoria de Justiça de Paraibano, o Poder Executivo municipal realizou, em 2018, processo licitatório para a contratação de escritório advocatício de prestação de serviços jurídicos de atuação consultiva e contenciosa com atendimento personalizado. A sociedade Leandro Cavalcante de Carvalho de advogados foi a vencedora do certame, contratada pelo valor de R$ 180 mil.

A equipe da Assessoria Técnica da Procuradoria Geral de Justiça emitiu pareceres apontando diversas irregularidades na licitação, destacando-se, especialmente, a existência de cláusulas restritivas no edital para participação das empresas, ausência de ampla publicidade do certame, além de várias inconsistências nos documentos apresentados pela empresa vencedora para sua habilitação.

De acordo com a conclusão dos técnicos, o descumprimento, pela empresa, dos critérios exigidos pelo próprio Edital deveria ter causado a sua desabilitação e, consequentemente, impossibilitado sua contratação pela administração municipal.

O edital da Tomada de Preços exigiu que, apenas as sociedades que possuíssem advogados que haviam atuado em pelo menos três municípios, com, no mínimo, três atestados de capacidade técnica e com estrutura de estagiários, secretárias e auxiliares, poderiam participar do referido certame. A Promotoria de Paraibano observou que o edital não apresentou nenhuma especificação técnica por parte da Prefeitura que justificasse a necessidade de uma carga processual/laboral para a contratação de uma estrutura desse porte.

“Sabe-se que pouquíssimas sociedades jurídicas possuem essa estrutura no interior do estado, com capacidade para participar da licitação. Esse artifício utilizado pela Prefeitura de Paraibano viola os preceitos legais insculpidos no ordenamento jurídico e caracteriza grave ato de improbidade administrativa”, comentou o promotor de justiça Gustavo Pereira Silva.

FLÁVIO DINO ANUNCIA “INQUÉRITO SOROLÓGICO” PARA MAPEAR COVID-19 NO MARANHÃO

Em entrevista realizada pela internet na manhã desta sexta-feira (24) o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), divulgou novas ações no combate ao novo coronavírus no estado. Dino anunciou que o estado fará um “inquérito sorológico” para mapear a Covid-19 na população maranhense e chegar a uma taxa da chamada imunidade coletiva.

De acordo com a medida anunciada pelo governo serão realizados 4.080 testes em 69 municípios maranhenses. A testagem será iniciada no dia 27 de julho e se estende até sete de agosto.

“Fizemos nesta semana um projeto piloto e foi aprovado. Com isso nos estamos pronto a lançar essa plataforma nestas 69 cidades o inquérito sorológico. Teremos os resultados provavelmente por volta de 10 a 15 de agosto”, disse o governador do Maranhão.

Flávio Dino anunciou ainda o “resolvi”, programa que forma uma rede de comércio virtual. A plataforma de comércio online abrange pequenos empreendedores e prestadores de serviços. Segundo o governador, o programa já obteve 1.471 anunciantes em 95 municípios.

O Maranhão chegou a 111.488 casos confirmados da Covid-19, segundo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgado na noite desta quinta-feira (23). O estado chegou também a 2.840 mortes pela doença e e 96.851 curados da infecção.

Nas últimas 24 horas, foram confirmadas mais 1.757 casos, sendo que 1.643 só no interior do estado. O boletim diz ainda que neste mesmo período, mais 30 mortes foram confirmadas em 18 municípios (veja a lista completa abaixo). Dos novos casos, 114 estão localizados na Grande Ilha (São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar), nenhum casos foi registrado em Imperatriz neste boletim e 1.643 foram nas demais regiões.

Fonte: Neto Ferreira

SINDICÂNCIA CONTRA POLICIAIS MULHERES NO MARANHÃO É SUSPENSA PELA JUSTIÇA

A sindicância instaurada pelo Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão para apurar a conduta de policiais militares mulheres foi suspensa.

O pedido da suspensão foi atendido pelo juiz Nelson Melo Morais.

No começo da semana, veio a público um documento onde consta que PM’s mulheres estavam sendo alvo de uma sindicância por usar a farda da corporação em um vídeo publicado no Tiktok.

O caso gerou uma onda de revolta na internet contra um possível abuso e machismo da Polícia Militar maranhense.

A Ordem dos Advogados do Brasil seccional Maranhão se manifestou sobre o caso a favor das policiais e afirmou que o vídeo não desrespeita a Corporação e deveria ser visto como um avanço, pois demonstra orgulho que as policiais tem da PMMA.

Ao analisar os fatos, o juiz relatou que não existe aparentemente objeto de sindicância no vídeo postado em redes sociais, fatos supostamente contrários ao pundonor militar, como conteúdo com conotação sexual, com nudes ou político, como críticas a ato de superior ou assuntos atinentes a disciplina militar ou qualquer resolução do Governo.

Fonte: Neto Ferreira

VEREADOR DELEGADO RÔMULO CONSEGUE BENFEITORIAS PARA BAIRROS DE CODÓ

Durante a 15ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Codó, o vereador Delegado Rômulo apresentou e teve aprovação para suas três Indicações para melhorias em bairros de Codó e da região da Trizidela.

Com as Indicações de Nº 87/2020 e a de Nº 88/2020, o edil solicita ao Executivo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Rural, que seja feita a recuperação da massa asfáltica da Rua Belém e da Rua Brasília, respectivamente, no Bairro São Sebastião.

Por meio da Indicação de Nº 89/2020, o parlamentar pede pela recuperação da massa asfáltica da Rua Maria Quitéria, no Bairro São José, na Trizidela. “O último período de chuvas foi muito abundante e danificou muito o pavimento de muitas ruas na cidade. Portanto é necessário que façamos um mapeamento e consigamos levar a recuperação para todos os bairros”, justificou o vereador.

“CAPINZAL SEM SORTE” UM EXEMPLO DE POLÍTICOS DE NATUREZA DUVIDOSA

Eliomar e Daeli

O povo de Capinzal do Norte (cidade administrada pelo jovem prefeito André Portela – PC do B) vive momentos difíceis na política. De um lado, o capinzalense conhece a realidade do município afligido pelas ações desastrosas do atual prefeito André Portela. Na percepção de alguns capinzalenses, André tem conseguido realizar um governo menos ruim diante dos outros que passaram pela cidade, a exemplo de Roberval Campelo e Eliomar Miranda; porém elas esquecem que as mazelas do prefeito vão mais além. Para citar uma delas, o governo de André Portela é quase todo ocupado por seus familiares. São os irmãos do prefeito que controlam os setores que mais embolsam recursos financeiros na cidade.

OS AGIOTAS

Algo que desonra e envergonha o povo capinzalense, são as dívidas de André Portela com agiotas. As cobranças de agiotas são tantas que com certeza impedem o prefeito de ser um homem tranquilo, digno e apto a governar Capinzal do Norte com a dedicação mínima necessária.

DAELI MIRANDA, A VELHA NOVIDADE.

A jovem Daeli Miranda (PL), filha do ex-prefeito Eliomar Miranda é uma marionete do pai, sem experiência e sem todos os outros adjetivos que um político deve ter, a jovem poderá entrar numa fria que o tempo levará muitos anos para conseguir livrá-la do que poderá acontecer. A falta de experiência tem feito da jovem Daeli Miranda seguir as orientações do pai, que é ficha suja e quer voltar ao comando de Capinzal do Norte sabe lá por quais interesses. Sem recursos e sem um grupo político coeso, o sonho de Daeli Miranda de chegar a ser prefeita de Capinzal do Norte poderá ser adiado por mais um tempo, se é que ela tem cacique para aguardar esse tempo.

CAPINZAL SEM SORTE.

Diante dessa velha gente conhecida que administra Capinzal ou que deseja voltar governar, o povo capinzalense está muito mal representado. Daeli Miranda recebe o apoio incondicional do pai, que é ficha suja e nem votar pode. Para lascar ainda mais sua pré-candidatura, outro ex-prefeito que fez um desastre em Capinzal também apoia Daeli Miranda, Roberval Campelo que desapareceu diante de seus credores que existem na região. Portanto, nem André e muito menos Daeli Miranda tem cacique de políticos honestos para oferecer ao Capinzalense um futuro melhor. Os moradores que se cuidem, afinal, de políticos desta natureza de André e Daeli, Capinzal do Norte precisa se afastar. SIMPLES ASSIM…

PAI E FILHO SÃO PRESOS EM MIRANDA DO NORTE POR AGIOTAGEM

Em uma operação batizada de “ MIDAS” e deflagrada na manhã desta quarta-feira (22), a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão na residência de pessoas suspeitas de praticarem crimes de agiotagem, ameaças, posse ilegal de arma de fogo, disparo de arma de fogo em via pública e associação criminosa no município de Miranda do Norte. A ação foi coordenada por homens das delegacias de Miranda do Norte e de Itapecuru Mirim.

Segundo o delegado Samuel Morita, a polícia recebeu inúmeras denúncias relatando que no Bairro Novo, uma família especifica, administrava uma associação criminosa voltada a prática de agiotagem e que, além de juros exorbitantes, ainda ameaçava as vítimas e que inclusive apreendiam os bens das vítimas por meio de emprego de ameaças em troca de dívidas.

Como resultado da ação, foram presos dois homens, sendo pai e filho, que também são suspeitos de realizarem disparos de arma de fogo em via pública com o intuito de imporem a violência e o respeito diante da comunidade. O terceiro suspeito conseguiu empreender fuga na hora da abordagem policial.

Foram apreendidos três veículos suspeitos, quase R$ 11.000,00 em espécie, uma arma de fogo, munições, celulares, cordões, cartões bancários e de benefícios sociais em nome de terceiros e com senhas, documentos pessoais e cheques de terceiros e anotações de valores de possíveis empréstimos.

Fonte: Neto Ferreira