MAGNÍFICA NOTÍCIA EM CODÓ: FAMILIARES COMEMORAM CURA DE CASAL INFECTADO PELO COVID-19

Na tarde desta quarta-feira (06), o jovem Clidenor Castro, irmão da jovem que estava infectada pelo Coronavírus em Codó juntamente com seu esposo, comemorou a cura do casal. O BLOG DO DE SÁ tomou conhecimento que ainda hoje a secretaria de saúde de Codó vai noticiar quantos casos já foram recuperados na cidade. AGUARDEM…

PM DE CODÓ E VIGILÂNCIA SANITÁRIA FAZEM AÇÃO NO COMÉRCIO

A Polícia Militar de Codó realiza o trabalho de intensificação e apoio à fiscalização junto aos órgãos estaduais e municipais no combate ao novo coronavírus.  Através de ações conjuntas, o Comandante do 17º BPM, Johnny de Almeida Alves, reafirma o total apoio no que tange ao reforço de qualquer atividade aos órgãos que estejam na atuação de prevenção e combate ao Covid-19 na cidade.

Vale lembrar que está terminantemente proibida a comercialização de bebida alcóolica e funcionamento de estabelecimentos do gênero, conforme prevê o Decreto n° 4.226, de 04 de maio de 2020.

O 17º Batalhão de Polícia Militar tem a convicção de que as parcerias entre órgãos fortalecem a ações de todos os envolvidos no combate ao COVID-19.

Texto da assessoria de comunicação da Polícia Militar

 

JUSTIÇA DE CODÓ DETERMINA QUE PREFEITO FECHE EM 48 HORAS TUDO QUE NÃO É ESSENCIAL

Agora à tarde por volta das 15: 12  saiu o resultado da ação Civil  do Ministério Público que pedia à Justiça de Codó que que ordene ao prefeito Francisco Nagib o fechamento de todas as atividades não essenciais antes do dia das Mães, que previu ser aquele que poderia entrar para a história como o mais trágico de todos os tempos.

O juiz, Dr. Marco André Tavares Teixeira, acatou o pedido do Ministério Público e ordenou ao prefeito que, em 48h, tome providências para que tudo que não é essencial seja fechado.

LEIA A DECISÃO

PROCESSO_ 0801870-91.2020.8.10.0034 – AÇÃO CIVIL PÚBLICA CÍVEL (1)

Com Informações, Acélio Trindade

EM MEIO A PANDEMIA, PREFEITURA DE BACURI CONTRATA PAPELARIA POR R$ 2,4 MILHÕES

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Bacuri, interior do Maranhão, resolveu contratar uma papelaria para garantir serviços gráficos.

A empresa contratada é Papelaria Triplo T, de São Luís, que é administrada pelos sócios Maria Guiomar Pereira e Thiago Pereira Rodrigues.

De acordo com informações divulgadas pelo próprio Executivo, o valor que será pago à papelaria ludovicense gira em torno de R$ 2,4 milhões em 12 meses.

O extrato da Ata de Registro de Preço informa que o acordo contratual foi dividido em 4 lotes, mas não detalhes quais itens serão fornecidos à Prefeitura. O procedimento licitatório foi finalizado no dia 23 de abril.

A Prefeitura de Bacuri é comandada por Washington de Oliveira.

Fonte: Neto Ferreira

EM CODÓ, PACIENTE COM COVID-19 DENUNCIA QUE NÃO RECEBEU SEQUER UMA VISITA DA SECRETARIA DE SAÚDE

Displicentemente, a secretaria de saúde de Codó vem deixando de acompanhar pacientes do Coronavírus no município. Ontem à noite, o BLOG DO DE SÁ entrou em contato com um amigo, que infelizmente foi atingido pela Covid-19, para saber de sua saúde, mas o que vimos foi algo extremamente preocupante. O paciente relatou uma circunstância gravíssima na conduta da secretaria de saúde de Codó, como os nossos leitores podem acompanhar no print mostrado aqui no BLOG com a permissão do paciente.

NADA ATÉ AGORA

O Paciente (que não terá seu nome divulgado por questões éticas) foi diagnósticado com a doença no início de maio no HGM (Hospital Geral Municipal),  e desde então permaneceu em casa, seguindo a orientação das autoridades de saúde. Ele revela nunca ter recebido uma visita dos profissionais da secretaria de saúde de Codó como mostra a conversa abaixo.

VALORES RECEBIDOS EM CODÓ

O município de Codó já recebeu do governo federal exatos: R$ 9.898.696,41 (nove milhões, oitocentos e noventa e oito mil, seiscentos e noventa e seis reais e quarenta e um centavos) para ser usado no combate ao Coronavírus na cidade de Codó. Estranhamente, a secretaria de saúde de Codó ainda não divulgou nenhuma nota contendo o número de pessoas que tenham sido curadas do Coronavírus na cidade. Só lembrando que o primeiro caso foi confirmado no dia 21-04-2020, ou seja, a exatos 15 dias. Uma vez que as estatísticas da OMS (Organização Mundial de Saúde) estimam um tempo de 14 dias para que o paciente possa ser curado do vírus, em Codó não foi informada nenhuma recuperação, e nem a secretaria explica como está a situação das pessoas que testaram positivo para o novo Coronavírus, e que deveriam ser monitoradas continuamente. Não vamos divulgar mais dados da conversa para não prejudicar o paciente.

                                                   Veja abaixo o print da conversa com o paciente.

 

 

 

BOA NOTÍCIA DE CAXIAS, 12 PACIENTES JÁ FORAM CURADOS DO COVID-19

Conforme boletim divulgado pela Prefeitura de Caxias e o comitê de enfrentamento ao coronavírus na cidade, na noite desta terça-feira (5), 12 pacientes já foram recuperados do novo coronavírus (Covid-19) em Caxias:

O boletim aponta ainda 12 casos confirmados em isolamento domiciliar, 4 em internação hospitalar e 1 óbito. Os casos confirmados foram detectados em 13 bairros.

Fonte: Noca

“QUEM NÃO SE CONVENCEU, SERÁ CONVENCIDO” DIZ FLÁVIO DINO AO FALAR DE LOCKDOWN

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), falou sobre o lockdown que passa a valer hoje (06), em quatro cidades do estado. A Justiça do Maranhão decretou o bloqueio total em Paço do Lumiar, Raposa, São José de Ribamar e São Luís.

Ao ser questionado em entrevista à GloboNews sobre o uso de força policial para cumprir o decreto, Dino afirmou que a maioria da população está convencida sobre os riscos do coronavírus, mas acredita que as demais pessoas serão convencidas pelos bloqueios nas vias públicas.

Temos a orientação da polícia de cumprir a lei. O primeiro caminho é o diálogo, se necessário for, se houve resistência, neste caso, a lei será cumprida. Temos previsões legais quanto ao cometimento de crimes. Creio que isso, se ocorrer, será um ou outro caso, porque as pessoas estão convencidas, e, quem não se convenceu, será convencido pelas barreiras que serão colocadas a partir de amanhã”, disse.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o Maranhão tem mais de 4 mil casos confirmados de covid-19, com 249 óbitos.

O conjunto dos fatores induzem que as medidas darão certo, não que o coronavírus desapareça por encanto, mas garantir o declínio da velocidade do crescimento para alcançarmos a estabilidade e no final de maio começar o declínio, que é tudo que desejamos e precisamos”, afirmou Dino.

Fonte: UOL